segunda-feira, 10 de julho de 2017

Aposto que você já ouviu falar na Vitamina K, mas provavelmente não deve saber para que exatamente ela serve.
Se você gosta de comer brócolis, couve, espinafre e folhosos em suas saladas, está no caminho certo: pois são nelas que a Vitamina K está mais presente.
A vitamina K é uma vitamina lipossolúvel essencial, da qual desempenha um papel importante na saúde do osso e do coração e é uma das principais vitaminas que ajuda com a coagulação do sangue e o fortalecimento dos ossos, e além disso também mantém a função cerebral, ajudando a proteger contra o câncer. (1)
O sangue não coagula sem vitamina K porque a vitamina activa e a proteína são responsáveis por formar coágulos dentro do sangue.
A vitamina K é também uma das vitaminas mais cruciais para a prevenção de doenças cardíacas.
Estudos têm demonstrado que os indivíduos que aumentam a ingestão de vitamina K com dieta apresentam menor risco de mortalidade cardiovascular, e é por isso que a deficiência de vitamina K pode ser tão perigosa.
Nesse artigo explicarei os principais benefícios da vitamina K para a saúde!
Não deixe de ler e compartilhar!

Tipos

Existem dois tipos principais de vitamina K que adquirimos: a vitamina K1 e a vitamina K2.
A vitamina K1 é encontrada em vegetais, enquanto a vitamina K2 é encontrada em produtos lácteos e é produzida pelas bactérias no intestino.
A K1 vai diretamente em seu fígado e ajuda você a manter a coagulação sanguínea saudável.  Já a vitamina K2 vai direto para as paredes dos seus vasos sanguíneos, ossos e tecidos.
A melhor maneira de obter o requisito diário de vitamina K é ingerindo alimentos como vegetais de folhas verdes, brócolis, repolho, peixes e ovos, que são as comidas que mais contém esse suplemento.

Onde Encontrar

Confira alguns dos alimentos mais ricos em vitamina K:
A Cenoura, A Cebola E O Nabo São Alimentos Riquíssimos Em Vitamina K
– Folhas verdes como: Acelga, couve, espinafre, brócolis, aspargos, alga marinha, repolho, alface.
– Mostarda
– Cebola
– Nabo
– Pepinos
– Couve-Flor
– Cenoura
– Ovo cozido

Benefícios  

A vitamina K traz ao organismo vários benefícios, tais como:
  1. Melhoria cardíaca
A vitamina K demonstrou ajudar a prevenir a calcificação das artérias, uma das principais causas de ataques cardíacos, e isso acontece pois, a vitamina carrega o cálcio das artérias e não permite que ele se forme em depósitos de placas duras e perigosas.
A vitamina K também ajuda a prevenir o endurecimento das artérias porque pode manter o cálcio fora de seus revestimentos e outros tecidos do corpo, onde possa causar danos.
Isto é especialmente típico da vitamina K2, que é a vitamina que é feita naturalmente nas bactérias do intestino.
  1. Melhora a densidade óssea
A vitamina K aumenta a quantidade de uma proteína específica necessária para manter o cálcio ósseo, reduzindo o risco de osteoporose.
Alguns estudos sobre a vitamina K até descobriram que altas ingestões dela podem parar a perda óssea em pessoas com osteoporose, ou seja, seu corpo necessita dela para usar o cálcio para construir ossos.
Há evidências crescentes de que a vitamina K pode melhorar a saúde óssea e reduzir o risco de fraturas, especialmente em mulheres pós-menopáusicas que correm maior risco de osteoporose. (2)
Há também uma forte evidência de que a vitamina K e a vitamina D, um clássico no metabolismo ósseo, trabalham juntas para melhorar a densidade óssea, portanto ela afeta positivamente o equilíbrio de cálcio no corpo, e o cálcio é um mineral chave no metabolismo ósseo. (3)
  1. Diminui a dor da cólica menstrual
Ao ingerir a quantidade suficiente da vitamina, pode ser um auxílio muito bom para reduzir as cólicas da TPM e outras dores menstruais, regulando a função de seus hormônios.
E o que é melhor: como a vitamina K é uma vitamina de coagulação do sangue, também pode ajudar com sangramento excessivo durante o ciclo menstrual.
O sangramento excessivo leva a mais cólicas e dor durante o seu ciclo menstrual. Muitos estudos mostram que, uma vez que a vitamina K pode ajudar com os sintomas de TPM, o contrário também é verdade – uma deficiência de vitamina K só irá piorar esses sintomas.
  1. Combate o câncer
A vitamina K demonstrou ser efetiva na redução do risco de câncer de próstata, cólon, estômago, nasal e oral.
Um estudo até descobriu que altas doses de vitamina K ajudaram os pacientes com câncer de fígado a se estabilizar e até melhorar a função hepática, mostrando também que um aumento na ingestão da mesma está associada a um risco reduzido de mortalidade cardiovascular e de câncer. (4).
  1. É essencial para a coagulação sanguínea
A vitamina K coagula o sangue e impede seu corpo de sangrar ou machucar facilmente, evitando até mesmo hemorragias.
O processo de coagulação do sangue é muito complexo, pois exige pelo menos 12 proteínas para funcionar antes do processo ser concluído, e quatro desses fatores de coagulação proteica requerem a vitamina K para sua atividade.
Portanto, isso faz com que a vitamina K seja essencial, desempenhando um papel importante para ajudar a curar contusões rapidamente, e também para curar cortes. (5)
  1. Melhora a função do cérebro
Um estudo descobriu que as proteínas dependentes de vitamina K são particularmente importantes para o cérebro.
Isso porque a vitamina K participa do sistema nervoso através de seu envolvimento no metabolismo dos esfingolípidos, que é uma classe de moléculas que estão amplamente presentes nas membranas das células cerebrais.
Os esfingolípidos são moléculas biologicamente potentes, e são conhecidos por seu papel estrutural na construção e no apoio ao cérebro.
Há também evidências crescentes de que a vitamina K tem atividade anti-inflamatória e pode proteger o seu cérebro contra o estresse causado pelo dano dos radicais livres. O estresse oxidativo pode danificar suas células e é pensado para estar envolvido no desenvolvimento de câncer, Alzheimer, Parkinson e insuficiência cardíaca. (6)  
  1. Ajuda a manter a saúde das gengivas e dentes
Uma dieta com poucas vitaminas solúveis em gordura, incluindo vitamina A, C, D e vitamina K, tem sido associada a produção de cáries e sintomas relacionados à doença nas gengivas.
Quando se tem muita decomposição dentária ou doenças em excesso nas gengivas, isso significa que você tem de aumentar as vitaminas solúveis em gordura que desempenham um papel importante na mineralização dos ossos e dentes.
Uma dieta saudável e rica em vitaminas e minerais, ajuda a matar bactérias nocivas que vivem na boca e produzem danos prejudiciais aos ácidos.
A vitamina K é um nutriente que funciona com outros minerais e vitaminas para matar bactérias que destroem o esmalte dental e resultam em cárie dentária, e também fornece aos dentes os minerais adequados que precisam para permanecerem fortes e saudáveis.
Por isso, é muito importante que se coma alimentos folhosos e legumes, para um melhor funcionamento da coagulação sanguínea e da saúde dos ossos.
Abraços e fique com Deus!
Dr. Juliano Pimentel

Sem comentários:

Enviar um comentário