sexta-feira, 31 de dezembro de 2010

Feliz Ano Novo...

Ano-novo: 5

Recados Animados de Ano Novo

Curiosidades...

Uma das superstições mais comuns em todo o mundo é a roupa que você
deve vestir na passagem do ano. Já que um novo ano está nascendo com
mil e uma coisas para serem feitas e descobertas, nada mais natural
que o clima de renovação se reflita também em suas roupas que devem
ser novas. Se o dinheiro estiver curto, roupas íntimas já dão conta do
recado.

No Brasil, a cor mais usada é a branca, devido à forte influência da
cultura e da religião africana, que acredita que esta cor traz boas
vibrações.

Outra cor muito usada por aqui é a rosa, que também significa paz e
amor. Calcinhas cor-de-rosa são as mais cotadas entre as solteiras que
estão à procura de um par.

Apesar disso, o significado das cores varia a cada país, região,
cultura, etc. Por isso, consulte nossa tabela de cores e escolha a que
mais se identifica com os objetivos que pretende alcançar em 2005.

Branco
Vista-se de branco para ter um ano repleto de paz, verdade, sabedoria
e calma. O branco repele as energias negativas e eleva as vibrações.
Estimula a memória e gerencia o equilíbrio interior.

Amarelo
Utilize esta cor para ter dinheiro e riqueza e sabedoria durante todo
o ano. Esta cor ajuda também a estimular a intuição.

Rosa
O rosa é o resultado da mistura do vermelho e do branco. Da mesma
maneira é seu significado. Para obter felicidade no amor, pureza e
beleza durante 2005, vista-se desta cor que ajuda também a afastar as
energias negativas.

Vermelho
Para ter 12 meses de muita paixão, força e energia, ao menos pinte as
unhas com esta cor. Isso já vai garantir um ótimo resultado.

Azul
A cor do céu e do mar traz paz de espírito e segurança. Tranqüilidade,
harmonia e saúde, também são provenientes desta cor.

Verde
O verde é a cor mais harmoniosa de todas. Representa as energias da
natureza, esperança, equilíbrio e recomeço. Renova as energias
trazendo vida nova junto ao novo ano.

Laranja
Atrai sucesso monetário. Ajuda nas conquistas pessoais e
profissionais. Se você está aguardando aquela promoção, ou mesmo está
procurando um emprego, encontrou a cor certa.

Violeta
A cor violeta traz junto com o novo ano inspiração, imaginação e
estabilidade. Esta cor também eleva a auto-estima e ajuda a manter o
foco de um objetivo.

Qual cor devo usar no Reveillon?

Uma das superstições mais comuns em todo o mundo é a roupa que você
deve vestir na passagem do ano. Já que um novo ano está nascendo com
mil e uma coisas para serem feitas e descobertas, nada mais natural
que o clima de renovação se reflita também em suas roupas que devem
ser novas. Se o dinheiro estiver curto, roupas íntimas já dão conta do
recado.

No Brasil, a cor mais usada é a branca, devido à forte influência da
cultura e da religião africana, que acredita que esta cor traz boas
vibrações.

Outra cor muito usada por aqui é a rosa, que também significa paz e
amor. Calcinhas cor-de-rosa são as mais cotadas entre as solteiras que
estão à procura de um par.

Apesar disso, o significado das cores varia a cada país, região,
cultura, etc. Por isso, consulte nossa tabela de cores e escolha a que
mais se identifica com os objetivos que pretende alcançar em 2005.

Branco
Vista-se de branco para ter um ano repleto de paz, verdade, sabedoria
e calma. O branco repele as energias negativas e eleva as vibrações.
Estimula a memória e gerencia o equilíbrio interior.

Amarelo
Utilize esta cor para ter dinheiro e riqueza e sabedoria durante todo
o ano. Esta cor ajuda também a estimular a intuição.

Rosa
O rosa é o resultado da mistura do vermelho e do branco. Da mesma
maneira é seu significado. Para obter felicidade no amor, pureza e
beleza durante 2005, vista-se desta cor que ajuda também a afastar as
energias negativas.

Vermelho
Para ter 12 meses de muita paixão, força e energia, ao menos pinte as
unhas com esta cor. Isso já vai garantir um ótimo resultado.

Azul
A cor do céu e do mar traz paz de espírito e segurança. Tranqüilidade,
harmonia e saúde, também são provenientes desta cor.

Verde
O verde é a cor mais harmoniosa de todas. Representa as energias da
natureza, esperança, equilíbrio e recomeço. Renova as energias
trazendo vida nova junto ao novo ano.

Laranja
Atrai sucesso monetário. Ajuda nas conquistas pessoais e
profissionais. Se você está aguardando aquela promoção, ou mesmo está
procurando um emprego, encontrou a cor certa.

Violeta
A cor violeta traz junto com o novo ano inspiração, imaginação e
estabilidade. Esta cor também eleva a auto-estima e ajuda a manter o
foco de um objetivo.

FELIZ ANO NOVO.
________________________________

Que 2011 venha cheio de Prosperidades e muita saúde para todos...

[link=http://www.scraps-animados.com]
[/link]

[b]Mais recados? http://www.scraps-animados.com[/b]

Mensagem para sua vida...

Versículo

Assim diz o Senhor, aquele que fez um caminho pelo mar, umavereda pelas águas violentas … “Esqueçam o que se foi; nãovivam no passado. Vejam, estou fazendo uma coisa nova! Ela jáestá surgindo! Vocês não a reconhecem? Até no deserto vou abrirum caminho e riachos no ermo.”-- Isaías 43:16,18-19 PENSAMENTO:O ano foi concluído, acabou, passou. Não podemos revivê-lo oudesfazê-lo. Não podemos descansar na grande distância que nostrouxe. Se o dia de amanhã clarear, será um outro dia, uma novaoportunidade, e a vez de mostrar nossa fé em Jesus como Senhor.Continuemos adiante, sabendo que Deus já habita o futuro, epromete nos dar refrigério na nossa jornada lá. ORAÇÃO:Senhor de toda a eternidade, por favor ajude-me a aprender dosmeus erros neste ano que se passou, mas a não me deter neles. Porfavor, ajude-me a não descansar nas minhas conquistas do anopassado, mas a usá-las para expandir seu trabalho em mim eatravés de mim. Por favor ajude-me a não discutir com aqueles queme feriram ontem, no mês passado, ou neste ano que passou. Aoinvés disto, ó Pai, guie-me em seus caminhos, e ajude-me a versuas obras poderosas neste próximo ano. No nome de Jesus e peloseu poder eu lhe peço. Amém. [*** Muito obrigado pelo seu apoioao site em 2010. Que 2011 seja um ano repleto de bênçãos doSenhor para você. E que toda honra e glória sejam dadas a Jesus!] http://www.iluminalma.com/dph/4/1231.html

quinta-feira, 30 de dezembro de 2010

Amigos para Todos os Momentos

7 dicas para evitar o estresse do fim do ano...

Todo ano, nesta época de festividade é comum vivenciarmos as seguintes experiências: enfrentar shoppings, lojas e supermercado superlotados, ruas invadidas por uma multidão de pessoas apressadas, trânsito caótico, gritos dos camelôs, inúmeros convites para festas de confraternização, confusões familiares a respeito da ceia natalina e uma comilança desenfreada que acaba resultando em quilos a mais na balança.

Como resultado disso temos um elevado grau de estresse, ansiedade, pânico e depressão nas pessoas.

Mas então, como fazer para superar essa fase sem que ocorram desgastes físicos e psicológicos?

Mudando a maneira como nos relacionamos e vivenciamos essas experiências.

Aqui vão algumas dicas para encarar melhor essa época do ano.


Reserve alguns minutos do dia para relaxar, ouvir uma música, praticar esportes, passear no parque e dedicar-se a atividades que lhe dão prazer1- Tudo bem que contra o trânsito e a multidão nas ruas não há solução, mas o importante é procurar manter a paciência e ao sair de casa conscientizar-se de que haverá alguns transtornos, mas que eles não serão suficientes para atrapalhar o seu dia e acabar com a sua felicidade.

2- Quanto às confraternizações, compareça somente aquelas cujas pessoas presentes você tenha um grande carinho e amizade, pois qual é o sentido de ir a uma festa de confraternização para criticar o cardápio, o local e as pessoas presentes?

3- Os conflitos com a família devem ser contornados com muita diplomacia e cuidado para que você não extravase nos outros o seu estresse e nervosismo. Procure ser tolerante com as diferenças de opinião e ao invés de ficar alimentado discussões, aja de forma conciliadora, afinal não vale a pena afastar-se de alguns membros da família por teimosia e intransigência de opinião.

4- Se há divergências sérias na família, nas quais você não esteja envolvido, combine o almoço com um e o jantar com outro, para que você não sofra por não rever os parentes e nem compre uma briga que não é sua.

Saiba Mais
Respirar bem acalma os pensamentos

Exercícios diminuem a tensão

Acorde mais cedo e relaxe

5- Com relação aos excessos na comida, procure transmitir o prazer de saborear um doce ou um assado, pelo prazer da companhia da sua sobrinha, avó, tio e neto que você tanto gosta. Encare a comida como coadjuvante e não como atração principal da festa.

6- Se mesmo assim você não conseguir resistir às tentações e achar que somente um pedaço é pouco, lembre-se que independentemente da quantidade que você comer, a rabanada ou o panetone irão acabar e você em algum momento terá que parar de comer. Então, porque não se deliciar com apenas uma fatia como se ela fosse a última?

7- Por fim, reserve alguns minutos do dia para relaxar, ouvir uma música, praticar esportes, passear no parque e dedicar-se a atividades que lhe dão prazer, afinal você merece essa recompensa após um ano de muito trabalho e realizações.

Milena Lhano
Especialidade: Terapia floral e fitoterapia

quarta-feira, 29 de dezembro de 2010

A história de uma criança...

Dois na Manjedoura - A história de uma criança que abre o nosso coração

Em 1994, dois americanos foram convidados pelo Departamento de Educação do governo russo para uma série de palestras sobre ética e moral, baseadas nos princípios bíblicos. Eles deveriam falar para os homens de negócios, os sentenciados nas prisões, os bombeiros e também num grande orfanato, para, pelo menos, cem jovens que, além de serem órfãos e abandonados, haviam sofrido abusos sexuais. Os dois americanos relataram a seguinte história:

O Natal de 1994 estava próximo, e fomos a um orfanato, onde, pela primeira vez, os órfãos que ali viviam ouviriam a tradicional história de Natal. Contamos que José e Maria chegaram a Belém e não encontraram lugar nas hospedarias para passarem a noite. Eles foram, então, para um estábulo, onde Jesus nasceu e foi colocado numa manjedoura.

Durante a narração, as crianças e os funcionários ficaram boquiabertos, não perdendo uma palavra sequer. Ao completar a história, demos a cada uma das crianças três pequenos pedaços de cartolina e também pedaços de guardanapos coloridos, para que fizessem uma rude manjedoura. Seguindo as instruções, dobraram a cartolina e colocaram tiras de papel em lugar da palha. Pequenos pedaços de flanela serviram de cobertura para o Recém-Nascido.

Os órfãos estavam ocupados na montagem da manjedoura, e, então, começamos a caminhar por entre eles, verificando se precisavam de ajuda. Chegamos a uma mesa onde vimos o pequeno Misha, que nos aparentou ter seis anos de idade e que já havia terminado o seu projeto. Quando olhamos para a manjedoura, ficamos surpresos, pois, no lugar de um, vimos dois bebês. Imediatamente, chamamos o intérprete para perguntar ao menino por que ele colocou dois nenenzinhos na manjedoura. O pequeno Misha cruzou os braços diante de si e, olhando fixamente para a manjedoura, repetiu seriamente toda a história. Para uma criança que havia ouvido a história pela primeira vez, ele relatou os acontecimentos com grande precisão, até que chegou à parte na qual Maria colocara Jesus na manjedoura. Então, Misha construiu a sua própria história e concluiu-a assim:

“Quando Maria colocou a criança na manjedoura, Jesus olhou para mim e perguntou se eu tinha um lugar para ficar. Eu disse que não tinha nem pai nem mãe e nenhuma casa para ficar. Então, Jesus me disse: ‘Fica Comigo’. Eu respondi que não podia, porque não tinha nenhum presente para dar a Ele, como os magos o fizeram”.

E continuou: “Mas eu queria ficar com Jesus e pensei que talvez fosse um presente se eu me deitasse também na manjedoura para aquecê-lo. E perguntei: ‘Se eu aquecê-Lo, será isso um presente?’ E Jesus respondeu: ‘Se você Me aquecer, será o melhor presente que alguém poderá Me dar’. Assim, entrei na manjedoura e Jesus me disse: ‘Você pode ficar Comigo para sempre’”.

Assim que Misha terminou sua história, seus olhos estavam cheios de lágrimas, que escorriam pela sua face, e seus ombros eram sacudidos pelos soluços. Colocou as mãos no rosto e debruçou-se sobre a mesa. O pequeno órfão havia encontrado, espiritualmente, alguém que não o abandonaria, tampouco abusaria dele.


A história acima toca profundamente o nosso coração e deixa lições expressivas. A esperança, o conforto e a segurança de Misha foram encontrados numa pessoa: Jesus! O Filho de Deus, o verdadeiro presente dado à humanidade: “Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito” (João 3:16). Por isso, Jesus, e não o Papai Noel, é a razão da celebração do Natal. O pequeno órfão, ao querer aquecer Jesus, foi por Ele aquecido. Assim é conosco: quando amamos e servimos o próximo, é porque antes fomos amados por Deus, que aquece o nosso coração.

O objetivo dessa pequena história, é lembrar que para fazermos caridade não precisa ter dinheiro e que dar presente não significa dar objetos ou qualquer coisa de valor material. Celebrar o natal significa comemorarmos o nascimento de Jesus Cristo e não tem nada a ver com o consumismo desenfreado que sempre assistimos neste período do ano.

Desejo-lhe um feliz natal e um próspero ano novo, cheio de saúde e paz. Tendo isso, o resto a gente corre atrás.


---------------------------------------------------------------
Antonio Ailton Gomes da Silva
Prof. do LIE da EMEIF Joaquim Alves
Prof. Formador do Núcleo de Tecnologia Educacional de Maracanaú.
Especialista em Tecnologias Digitais na Educação
Especialista em Mídias na Educação

terça-feira, 28 de dezembro de 2010

Metas para 2011...

Como tradição, chega a época em que nos propomos inúmeras metas a serem alcançadas nos próximos 365 dias. Fazemos um balanço do ano: o que foi bom e o que deixou a desejar, conquistas realizadas e outras frustradas, como evoluímos financeiramente ou nos comprometemos com dívidas, amores descobertos ou vínculos desfeitos, crescimento profissional ou emprego perdido, cursos iniciados e nem sempre finalizados, promessas de atividades físicas regulares mesmo tendo aquela preguiça.

É claro que nem tudo é oito ou oitenta: sua vida pode não ter tido grandes alterações, e continua boa, tranqüila, realizada ou ainda indefinida, sem rumo, em busca de algo que não apareceu com clareza.

Lembre-se de que para as coisas acontecerem é necessário planejamento, investimento (de tempo, dinheiro e energia), força de vontade...A "desculpa" de nos colocarmos metas para o próximo ano é válida para que sejamos obrigados a fazer um balanço da vida, analisar o que precisa ser mudado ou dar-se conta do que já conseguimos nos apropriando dos pontos positivos e passos dados, do próprio crescimento. Vale também analisarmos a qualidade de nossas relações afetivas, com quem estamos nos relacionando, se somos verdadeiros com o que sentimos e queremos.

Para evitar futuras frustrações, construa metas atingíveis, nada mirabolantes. É comum encontrarmos aqueles que programam "mega" viradas na vida e chegam ao final do próximo ano do mesmo jeito que começaram - ou talvez mais frustrados por não terem, mais uma vez, dado conta do que se propuseram a fazer. Frases como: vou falar inglês fluentemente (mas ainda não fala nada), farei uma viagem para o exterior (e não possui qualquer dinheiro guardado), encontrarei o amor da minha vida (quem sabe...), mudarei de emprego, reformarei a casa, frequentarei a academia todos os dias.
Preserve a saúde Lembre-se de que para as coisas acontecerem é necessário planejamento, investimento (de tempo, dinheiro e energia), força de vontade, uma dose de risco, boa noção da realidade e uma boa dose de sorte!

Então, chega de ficar parado esperando a vida passar, só reclamando, fazendo-se de vítima do azar e corra atrás do que precisa, de seus desejos, mas sempre dando passo após passo, e nunca querendo alçar vôos intransponíveis.

Bons planos e um ótimo ano pela frente!

Dra Marina Vasconcellos
Especialidade: Psicoterapeuta

segunda-feira, 27 de dezembro de 2010

sábado, 25 de dezembro de 2010

CANÇÃO DA CIGARRA

sexta-feira, 24 de dezembro de 2010

quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

FELIZ 2011

FELIZ 2011

Em meio a esse clima de festa,
luzes, musicas, sorrisos...

Estou lhe enviando o meu Abraço!

E desejando a você um Ano Novo de
muitas realizações.
Com cada um de nós fazendo a sua parte para tornar este mundo melhor.

Que este novo ano seja cheio de saúde, de alegria, de paz e prosperidade para você.

Que não lhe falte motivos para ser
feliz no que quer que faça ou
onde esteja.

Que neste novo ano você supere os
seus limites conseguindo vitórias em
todos os aspectos em sua vida

Acredite em você!
Porque a confiança é o caminho certo para o ano novo realmente feliz e de muito sucesso.

Um abraço!
Feliz, feliz Ano Novo para você

É NATAL DO FILHO DE DEUS

É NATAL DO FILHO DE DEUS
(Stela Maris C. Blandino)

No coração do universo nasce mais uma vez a esperança de paz, embalando o sonho de prosperidade desse novo milênio.
É o Filho de Deus que vem até nós na ternura de uma criança para realizar o encontro do céu com a terra,
para dizer que “somos todos irmãos”!

Ele vem para nos ensinar que é tempo de acolher os fracos, os pequeninos, os pobres..... nos ensinar a plantar na terra a semente da compreensão
e acender nos corações a centelha do Amor
Ele vem para nos dizer que soou a hora de construirmos uma terra de irmãos,
de eliminar as diferenças, de transpor os obstáculos que separam os povos e as nações
para juntos entoarmos a canção de Natal:
“Paz na terra aos construtores do reino de Deus para toda a humanidade!”

Ele vem para celebrar com as famílias o verdadeiro Natal de Belém, pleno de
Luz, de Esperança, de Amor e de Fé.

FELIZ NATAL!

A ÁRVORE DE NATAL

A ÁRVORE DE NATAL
(Monsenhor Expedito Marcondes)

Vamos preparar o nosso Natal!
A árvore de Natal, com o seu verde, com as suas luzes e os seus enfeites tornou-se também para nós um símbolo, belo e rico, do nascimento de Jesus Redentor e nosso Salvador.
A árvore de Natal vem do alto das montanhas, recordando-nos que o Filho de Deus, por nós e para a nossa salvação, desceu do céu para viver no meio de nós.
...sempre verde... nos recorda a esperança que Jesus veio semear na história humana com a bela notícia:
«Pastores, não temais, pois vos anuncio uma grande alegria, que é para todo o povo: nasceu-vos hoje, na cidade de Davi, um Salvador, que é Cristo Senhor».
Carregada de enfeites e de dons envolvidos em fios dourados vem significar a graça abundante que a benignidade do nosso Deus nos deu ao enviar-nos seu Filho unigênito, Jesus.
Natal é festa dos dons e dos presentes que brotam de um coração que ama; mas sobretudo é a celebração do ‘Dom’ de nosso Salvador.
A árvore de Natal é símbolo de luzes multicolores, e Jesus é a Luz do mundo: quem O segue não caminha no escuro, mas conhece a verdade.
Tem a sua ponta como uma flecha voltada para o céu, recordando-nos que temos uma dimensão celeste e um destino eterno e imortal. De fato, Jesus veio para nos reconduzir ao Pai.
Muitas vezes é coberta de neve cândida, símbolo de pureza porque Cristo nasceu de Maria Virgem e ama os puros de coração. “Paz na terra aos homens, porque Deus os ama”.
É uma árvore e a sua madeira não pode deixar de nos evocar a Cruz, que marcou toda a vida do Senhor, desde a manjedoura até à sua morte, quando foi alçado no madeiro para atrair todos a Si.
A árvore de Natal está sempre a adornar o nosso lar, tendo ao lado o querido Presépio,
...e assim a nossa família se torna um testemunho da fé e da bondade que Deus derramou em nossos corações.
Se a árvore de Natal e o Presépio não significam Jesus, a festividade perde toda a sua graça e esplendor: seria uma festa sem o Festejado! Jesus teria vindo para juntos dos seus filhos, mas eles não O reconheceram… (cf. Jo. 1,11)
Alegremo-nos, portanto, neste Natal, testemunhando que acreditamos no amor de Deus que veio à terra para nos salvar!

MOTIVAÇÃO PARA O NATAL

MOTIVAÇÃO PARA O NATAL
(Ir.Zuleides Andrade)


"Natal é tempo...
de dar um toque na vida com as cores da esperança,
da fé, da paz e do amor.
Também é tempo de preparar,
em nosso coração e em nosso lar,
um espaço para acolher
as sublimes lições da
Sagrada Família de Nazaré
e aceitar as inevitáveis
surpresas da vida.

Natal é tempo...
de olhar para o céu,
encantarmo-nos com a luz das estrelas e seguir a estrela-guia.
É tempo abençoado de dar mais atenção à criança que mora em cada um de nós e às que encontramos em nosso peregrinar, à procura do caminho que nos leva ao
Deus-Menino.

Natal é tempo...
de mais uma vez ouvir, acolher
e repetir a mensagem alegre dos Anjos de Deus.
É tempo de acalentar sonhos de harmonia e paz e, olhando para os “anjos aqui na Terra”,
dar a nossa contribuição,
para tornar este nosso espaço
um pouco mais parecido com o Céu.

Natal é tempo...
de contemplar o Menino Jesus
e Sua Mãe e envolvermo-nos em silêncio orante.
É tempo de agradecer as manifestações de Deus
e deixarmo-nos extasiar por esse Divino Amor que, na fragilidade de uma Criança, nos braços de Maria,
veio iluminar nossa fé.

Natal é tempo...
de olhar para o mundo, alimentar a chama do amor e apreciar
o milagre da vida.
É tempo de seguir com atenção
e humildade os passos dos pastores
e os daqueles que têm coração simples e, em gestos de ternura,
sintonizar mentes e aconchegar corações.

Natal é tempo...
de pensar no irmão próximo e distante e de colaborar para o renascer do amor.
É tempo de, amorosamente, recompor a vida, perdoar e abraçar, com a ternura e a misericórdia do Coração de Deus,
os registros de nossa infância e dos anos que já vivemos.

Na jubilosa esperança do Natal de Jesus Cristo,
estejamos atentos para perceber
e realizar o bem que estiver ao nosso alcance e sermos um compreensível eco da mensagem de paz
daquela noite em que, gerado por obra do Espírito Santo,
de Maria nasceu o Salvador

Linhaça...

De uns tempos para cá, a linhaça ganhou destaque nos cardápios, supermercados e pesquisas científicas. E não é à toa: a sementinha tem muitos benefícios a oferecer ao organismo. A linhaça é ótima fonte de ômegas 3 e 6, por isso, ela só traz vantagens à sua dieta, além de ser um importante agente antioxidante e renovador celular. "Ela é rica em fibras e gorduras boas, as insaturadas. Assim, o consumo desse alimento ajuda a melhorar a alimentação", explica a nutricionista do Dieta e Saúde, Roberta Stella. Porém, além de boa pedida para a dieta, a semente tem outros benefícios importantes. Confira abaixo:


1.Combate o excesso de peso

Para quem precisa perder uns quilinhos, a linhaça pode ser mais do que uma aliada, como descobriu um estudo recente realizado pela Unicamp. De acordo com os pesquisadores, os ácidos graxos insaturados, ou seja, ômegas-3, 6 e 9, são capazes de interromper ou até mesmo reverter um processo inflamatório do hipotálamo, causada pela ingestão das gorduras saturadas que consumimos juntas com fast food, carnes vermelhas e derivados do leite.

Mas, o que o hipotálamo tem a ver com a dieta? Na verdade, muita coisa, já que uma das funções dessa região do cérebro é responsável por sinalizar ao organismo o quanto de comida tem no seu organismo. Em outras palavras, o hipotálamo - que liga o sistema nervoso ao sistema endócrino - controla o apetite. Quando a região está inflamada, parte dos neurônios morre, entre eles, os que estão ligados à sensação de saciedade, facilitando, portanto, o consumo de alimentos em excesso.

2.Previne doenças do coração

A grande quantidade de ômega-3 também faz com que esse alimento seja um forte combatente das doenças cardíacas. "A linhaça reduz e evita a formação de coágulos ao diminuir as taxas de colesterol total e de LDL, o colesterol ruim, além de contribuir também para a diminuição de pressão arterial. Tudo isso, deixa o coração mais protegido", explica a nutricionista da rede Mundo Verde, Flávia Morais.


3.Ajuda na saúde dos olhos e no sistema imunológico

Não é só cenoura que faz bem para os olhos. A linhaça também não fica atrás. O consumo do óleo é uma boa alternativa para o tratamento de deficiência lacrimal e ainda reduz a inflamação ocular. Tudo graças às suas propriedades antioxidantes que, ainda por cima, dão aquele reforço ao sistema imunológico, diminuindo as chances de doenças em geral.

4.Equilibra o sódio do organismo

O consumo de sódio em excesso pode ser um gatilho para doenças cardiovasculares, como hipertensão e infarto. Porém, a nutricionista Roberta Stella explica que o consumo regular de linhaça auxilia os rins a excretar água e sódio, evitando a retenção de líquido.


5.Alivia sintomas da TPM

Aliada da mulher, a linhaça desempenha papel importante no equilíbrio hormonal, devido à grande concentração de substâncias chamadas lignanas, que imitam a ação do estrógeno, hormônio feminino. Quando as mulheres estão em período de baixa de estrógeno, no período pré-menstrual ou na menopausa, a linhaça age como se fizesse uma reposição natural desse hormônio, ajudando na prevenção de ondas de calor e fraqueza emocional.


6. Renova a pele

A clínica geral Marcia Franckevicius explica que o consumo regular de semente de linhaça deixa a pele mais hidratada e suave. " Por isso, a semente pode melhorar o quadro de quem tem psoríase ou eczema, condições que deixam a pele muito seca e com rachaduras", explica.


7. Garante mais energia para o dia a dia

De acordo com a especialista Marcia Franckevicius, a linhaça, ainda por cima, garante ao corpo um aumento de energia e de vitalidade. "A linhaça acelera o metabolismo, o que garante eficácia na produção de energia celular e ajuda a recuperar a fadiga muscular."



Linhaça para todos os gostos

A boa notícia é que ela é versátil também no que diz respeito à culinária. "Triturando a semente é possível utilizá-la no preparo de diversas receitas como bolos, tortas, recheios, farofas. Por outro lado, utilizar a semente inteira pode deixar a preparação crocante. Consumir com frutas, iogurtes, misturadas a cereais matinais são boas formas de ingestão para quem não gosta muito gosto dela", explica Roberta Stella, do Dieta e Saúde. Para te ajudar a incluir essa maravilha no seu cardápio, a nutricionista do Dieta e Saúde selecionou algumas receitas. Confira abaixo:

Molho de Linhaça

Ingredientes:
2 colheres (sopa) de vinagre de maçã
½ xícara (chá) de sementes de linhaça
½ xícara (chá) de azeite
1 colher (sopa) de manjericão picado
1 dente de alho
Sal a gosto Pimenta-do-reino branca a gosto

Modo de preparo: Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva.
Rendimento: 12 porções
Total de pontos por porção: 4
Valor calórico e nutricional (por porção): Calorias: 124,8 Kcal, Carboidratos: 3,1 g, Proteínas: 1,4g, Gorduras: 11,7 g

Vitamina com Linhaça

Ingredientes:
1 copo de leite desnatado
1 colher (sopa) de mel
1 unidade de banana nanica
1 colher (sopa) de sementes de linhaça

Modo de fazer: Bata todos os ingredientes no liquidificador e sirva.
Rendimento: 2 porções
Total de pontos por porção: 5
Valor calórico e nutricional (por porção): Calorias: 164,4 Kcal, Carboidratos: 26,6 g, Proteínas: 5,7 g, Gorduras: 4,3 g

Torta de milho com linhaça

Ingredientes:
3 xícara (chá) de milho cozido
1 pote de iogurte natural desnatado
2 colheres (sopa) de azeite de oliva
1 xícara (chá) de trigo integral
3 colheres (sopa) de semente de linhaça
1 cebola picada
1 colher (sopa) de fermento em pó Salsa a gosto

Modo de fazer:
Bata o milho no liquidificador e acrescente o restante dos ingredientes na ordem acima. Bata por alguns minutos. Desligue o aparelho e misture a salsa. Coloque numa assadeira média untada e asse em forno pré-aquecido até dourar.

Rendimento: 2 porções
Total de pontos por porção: 4
Valor calórico e nutricional (por porção): Calorias: 145,8 Kcal Carboidratos: 23,9 g Proteínas: 5,2 g Gorduras: 4,4 g
Maçãs com creme de linhaça

Ingredientes:
1 copo de iogurte desnatado
1 xícara (chá) de creme de leite light
Adoçante à gosto
2 maças (verdes ou vermelhas) com casca, cortadas em cubos ou em lâminas e temperadas com limão
1 colher (sopa) de sementes de linhaça Folhas de hortelã

Modo de Preparo:
Misture o iogurte, o creme de leite e o adoçante. Despeje sobre as maçãs e salpique as sementes de linhaça. Decore com as folhinhas de hortelã

Rendimento: 2 porções
Total de pontos por porção: 5
Valor calórico e nutricional (por porção): Calorias: 176,2 Kcal Carboidratos: 26,9 g Proteínas: 4,4 g Gorduras: 5,0 g -

Você sabia?
Linhaças moídas podem ser usadas para substituir ovos em panquecas, biscoitos, bolos e bolinhos, pois ficam leves e úmidas. Para conseguir esse efeito, você deve moê-las no liquidificador e guardá-las no freezer.

Ingredientes:
1 colher de sopa de linhaças moídas (moa 1 xícara no liquidificador e guarde o restante no freezer); 3 colheres de sopa de água potável

Preparo:
Misture a farinha e a água em uma tigela pequena. Deixe descansar por 1 a 2 min. (Fica muito espessa se ficar mais tempo). Em algumas receitas bem líquidas as sementes de linhaça moídas podem ser agregadas diretamente aos componentes secos.
(Do livro "A Dieta Saudável dos Vegetais")

terça-feira, 21 de dezembro de 2010

segunda-feira, 20 de dezembro de 2010

domingo, 19 de dezembro de 2010

Perante o Natal...

PERANTE O NATAL
Neste dia feliz, em que as aglomerações nos shoppings nos revelam a febre de compras, vamos refletir juntos sobre o significado do Natal?
Natal – todos sabem - é Jesus que nasce, renovando Seu antigo apelo ao amor por todos os seres.
O desafio é fazer com que durante o ano inteiro Ele cresça e Se instale, definitivamente, em nosso coração.
Por isso, em honra do Mestre de Nazaré, não se detenha mais: siga-Lhe os ensinamentos, ouça-Lhe as palavras não apenas com os ouvidos, mas também com a alma.
Ponha Jesus em seu cotidiano.
Você já notou que, muitas vezes, sofremos porque desejamos coisas que não são essenciais?
Basta que seja lançado um novo aparelho, modelo de carro ou produto da moda para que boa parte de nós corra a comprar.
Logo que saciamos esse desejo, agimos como crianças e vamos em busca de mais novidades.
Isso nos remete a um outro ensinamento de Jesus:
“Olhai os lírios dos campos: não tecem nem fiam, mas nem Salomão, em toda a sua glória, se vestiu como um deles”.
Ensinou o Mestre que devemos confiar em Deus, nosso Pai, pois se Ele veste tão ricamente uma erva do campo, quanto mais fará por nós, Seus filhos?
E assim o Cristo nos ensinou a ter confiança em Deus.
No entanto, como nossa fé é frágil! Costumeiramente nos rebelamos contra Deus. Basta uma contrariedade ou uma perda para nos rebelarmos contra os Céus.
Mais uma vez agimos como crianças: desejamos que Deus – a Majestade que criou e dirige os Mundos – seja uma espécie de secretário particular, que cuide de nossas finanças, que nos faça ter sucesso na vida, que nos dê isso e aquilo.
Mas o que Jesus nos ensinou sobre Deus? Ensinou que nenhum cabelo cai de nossas cabeças sem o seu conhecimento.
Portanto, nosso Pai Divino conhece nossos corações e nossas necessidades.
Assim, podemos e devemos orar para Lhe pedir forças e inspiração para os nossos projetos de vida.
Mas o trabalho é nosso: façamos a nossa parte e o céu nos ajudará. Esse é mais um ensinamento esquecido de Jesus.
Que este Natal seja um momento especial, em que Jesus esteja presente em seu coração.
Que as palavras pronunciadas por Ele, há dois mil anos, possam encontrar lugar em seu Espírito.
Com a simplicidade, o trabalho e a confiança em Deus – essência dos ensinos de Jesus – que o Natal ganhe um novo significado em sua vida.
Para que brilhe a sua luz. Para que você seja aquele que semeia a paz, que vivencia o amor universal.

Stationery by KathZil

sábado, 18 de dezembro de 2010

NATAL...

NATAL INFORMÁTICO

Dê um CLIQUE DUPLO neste NATAL!

ARRASTE JESUS para seu DIRETÓRIO PRINCIPAL.

SALVE-O em todos SEUS ARQUIVOS PESSOAIS.

SELECIONE-O como seu DOCUMENTO MESTRE.



Que Ele seja seu MODELO

Para FORMATAR sua vida:

JUSTIFIQUE-a e ALINHE-a

À DIREITA e À ESQUERDA.

Sem QUEBRAS na sua caminhada.



Que Jesus não seja apenas

Um ÌCONE, um ACESSÓRIO,

Uma FERRAMENTA, um RODAPÉ,

Mas o CABEÇALHO,

A LETRA CAPITULAR,

A BARRA DE ROLAGEM de seu caminhar.



Que Ele seja a FONTE da graça

Para sua ÁREA DE TRABALHO,

O PAINTBRUSH para COLORIR seu sorriso,

A CONFIGURAÇÃO de sua simpatia,

A NOVA JANELA para VISUALIZAR

O TAMANHO de seu amor,

O PAINEL DE CONTROLE,

Para CANCELAR seus RECUOS

COMPARTILHAR seus RECURSOS e

ACESSAR o coração de suas amizades...



COPIE tudo que é bom

DELETE seus ERROS.

Não deixe à MARGEM ninguém,

ABRA as BORDAS de seu coração,

REMOVA dele o VÍRUS do egoísmo.



Antes de FECHAR,

Coloque Jesus nos seus FAVORITOS

E seu Natal será o ATALHO

De sua felicidade!

CLIQUE agora em OK

Para ATUALIZAR seus CONTEÚDOS.



FELIZ NATAL!

Ano novo de novo - Deputado Federal Chico Alencar - PSOL/RJ

Ano novo de novo - Deputado Federal Chico Alencar - PSOL/RJ

quinta-feira, 16 de dezembro de 2010

Filho de Ronaldo - Fenomeno

Como lidar com doentes mentais...


Como lidar com a doença mental parte 2 por whydigital no Videolog.tv.

Doença mental...


Como lidar com a doença mental Parte 1 por whydigital no Videolog.tv.

Doenças Respiratórias...

Envelhecer...

30 minutos de exercícios diários é ideal...

Existem diversas evidências científicas de que praticar atividades físicas moderadas (equivalente em intensidade a caminhar) durante um período tão pequeno, como 30 minutos, na maioria ou senão todos os dias da semana, trazem benefícios substanciais para a saúde. A Associação Americana do Coração (AHA)e o Colégio Americano de Ciências do Esporte (ACSM) são apenas alguns dos muitos grupos que recomendam essa fórmula dos 30 minutos.

Esse padrão de tempo foi escolhido porque, se feito regularmente, resulta em uma redução significativa no risco de incidência de doenças crônicas, como:

- Doenças cardíacas
- Câncer
- Derrame
- Hipertensão arterial
- Diabetes

Além disso, 30 minutos de atividade moderada é uma quantia razoável para as pessoas que não praticam exercícios regularmente.

Cinco dias por semana foi escolhido como um valor aceitável, embora o ideal seja praticar algum tipo de atividade física todos os dias. Porém, exercícios durante cinco dias apenas permite que as pessoas possam deixar um ou dois dias por semana de descanso e mesmo assim sair ganhando, pois estão fazendo mais exercícios do que o normal.

Meia hora diária de exercícios melhora o condicionamento físico, o tônus muscular, alivia o stress e oxigena o cérebro.

Faça os 30 minutos em pequenos blocos
Os benefícios para a saúde são melhores se os seus 30 minutos de atividade são feitos em blocos de 10 minutos ou mais. Isso incentiva as pessoas a adicionar a atividade à sua rotina diária normal.

Sempre que possível, faça suas atividades em blocos de tempo. Você pode fazer isto estacionando mais longe o carro para que você possa dar um passeio, mesmo que dure apenas cinco minutos.


Pratique este hábito por seis semanas
Os benefícios para a saúde da atividade física são percebidos através da participação regular. O objetivo é ser ativo durante toda a sua vida.

Seis semanas podem ser um bom início para começar, se animar e decidir tornar-se um "exercitador" ao longo da vida. Você pode acumular estas seis semanas de atividade durante um período de oito semanas, pois os fatores fora de seu controle podem dificultar o seu cumprimento. O ideal seria acumular as atividades durante um período de seis semanas, mas se um obstáculo limita a sua atividade por um curto período de tempo, você não precisa desistir. Você tem oito semanas para acumular suas horas de atividade.

30 minutos são realmente suficientes?
É quase certo de que mais de 30 minutos de exercícios proporcionam benefícios adicionais de saúde. O aumento da duração da atividade física moderada para além de 30 minutos pode proporcionar reduções adicionais nos riscos para doenças crônicas e pode ter um valor extra de redução de gordura corporal.

Não há dúvidas que a realização regular de atividade vigorosa, além de atividade física moderada tem benefícios. Esta rotina de 30 minutos é destinada a pessoas que não são regularmente ativas.

Ao longo do tempo, você pode aumentar gradualmente a sua atividade (acima de 30 minutos por dia), incluindo uma atividade vigorosa, além da moderada.

Antes de mudar dramaticamente os padrões de sua atividade física, especialmente se você planeja fazer uma atividade mais intensa, é aconselhado se certificar com o seu médico e confirmar se você está pronto para este tipo de esforço.

Quais exercícios realizar em 30 minutos?
Você pode escolher diversas atividades. Desde uma simples caminhada pela vizinhança até a contratação de um personal trainer para atingir o seu objetivo mais rapidamente e cuidar adequadamente de suas características individuais.

Seguem algumas dicas de exercícios para que você possa começar agora sua rotina de 30 minutos por dia:

- Caminhada com passos mais acelerados
- Subida de escada
- Aulas de ginástica
- Bicicleta
- Esteira
- Dança
- Hidroginástica
- Natação
- Musculação
- Localizada
- Pilates

Meia hora diária de exercícios melhora o condicionamento físico, o tônus muscular, alivia o stress e oxigena o cérebro. Comece agora mesmo o seu programa e, se tiver alguma dúvida, entre em contato comigo. Boa sorte!

Professora Teresa Maria Passarella
Especialidade: Personal Trainer

quarta-feira, 15 de dezembro de 2010

A Amazônia que morre...

A Amazônia que morre
Lúcio Flávio Pinto


Fui um crítico constante da hidrelétrica de Tucuruí durante sua construção, de 1975 a 1984, ano em que a usina instalada sobre o leito do rio Tocantins, no Pará, foi inaugurada, como a quarta maior do mundo. Mas não era um crítico à distância: estava sempre na obra. E, por incrível que pareça, conversando com os “barrageiros”, que me atendiam.

Certa vez, um deles, para me demonstrar que todos ganhariam com a hidrelétrica, me levou para percorrer as novas cidades. Elas estavam sendo preparadas para receber a população que seria remanejada da beira do rio para a formação do reservatório. O futuro lago artificial, o segundo maior do Brasil, alagaria uma área de três mil quilômetros quadrados (mais de duas vezes o tamanho de Belém, a capital do Estado, com seus 1,4 milhão de habitantes).

O engenheiro tinha todos os motivos – mas os seus motivos – para achar que os ribeirinhos viveriam muito melhor nas novas cidades. Lá eles teriam casas de alvenaria, ruas pavimentadas, água, luz e todos os serviços básicos, que não existiam na margem do rio. Mas eu não tinha dúvida de que os remanejados não iam partilhar a convicção do técnico.

É claro que eles estariam em melhores condições materiais num núcleo urbano planejado. Mas lhes faltaria no novo domicílio algo que todas essas vantagens não seriam capazes de compensar: o próprio rio.

O Tocantins era sua rua, sua fonte de água, de alimento, de trabalho, de vida. Depois de tantas gerações se sucedendo na margem do vasto curso d’água, tirar dele as vantagens, minimizando os prejuízos eventuais, era o grande patrimônio dessa população. Um aprendizado de séculos. Conhecimento experimental, empírico, sofrido, valioso, único.

Subitamente, são remanejados rigorosamente manu militari (o primeiro presidente da Eletronorte, subsidiária da Eletrobrás responsável pela hidrelétrica, foi um coronel-engenheiro do Exército, Raul Garcia Llano). O legado de séculos no trato com o ciclo das águas, subindo e descendo por turnos semestrais, se tornou inútil na terra firme, longe do rio, em ambiente pouco conhecido.

Pelos critérios quantitativos, o engenheiro podia provar matematicamente que a mudança foi positiva. Por essa régua, também é superavitário o balanço da transformação que ocorreu na Amazônia no último meio século, principalmente em função de “grandes projetos”, como o de Tucuruí, que representou investimento superior a 10 bilhões de dólares.

Mas o triunfalismo da história oficial se vale da ausência de um índice capaz de medir e traduzir numericamente a felicidade. Se houvesse esse indicador de satisfação, ele revelaria a tristeza do homem obrigado a trocar o rio à sua porta pela casa de alvenaria no meio da mata – que, aliás, desapareceu.

O homem da Amazônia é detalhe ou enfeite no “modelo” (que nada tem de modelar) de integração forçada da região ao país e ao mundo. Modelo definido a partir de fora para fazer a vontade do migrante, seja ele pessoa física ou empresa, João da Silva ou Vale do Rio Doce, nascido no país ou vindo do exterior (quanto mais distante, mais poderoso).

Para a “modernização” compulsória pouco importa que o nativo esteja ou não feliz. Seu mundo está condenado a desaparecer. Tudo que é considerado primitivo, atrasado e isolado será progressivamente esmagado pela máquina que produz mercadoria, à medida que ela vai avançando sobre as novas áreas. Seu rótulo é a única fonte válida de valor, do que interessa ao mercado. O mais é descartável, inútil.

São Félix do Xingu é uma dessas fronteiras em brutal mutação. Conheci o município em 1976. Fiquei hospedado numa pensão na cidade, que não tinha hotel. Dividia o quarto com três pessoas. Todas usavam redes. Um dos homens, sem se mexer, cuspia para o alto durante a noite. Eu acordava enojado pelo barulho.

Mas que jeito? Não havia para onde ir na cidade. Melhorou quando fizemos uma longa excursão de “voadeira” (designação local para lancha) pelo rio Fresco, até suas nascentes, na divisa do Pará com Mato Grosso. Foi uma das minhas melhores viagens. O lugar era pouco menos do que um paraíso.

Mas quem o percorrer, hoje, não verá mais esse nirvana. O rio foi contaminado pelo mercúrio dos garimpos de ouro. Os Kayapó que moram às suas margens, no auge da exploração, tiveram que substituir o mergulho no rio pelo banho de chuveiro para evitar a contaminação.

Voltei a Belém ainda mais convicto da minha posição, contrária à continuação da estrada que ligaria Xinguara a São Félix. Ela levaria o caos do Araguaia/Tocantins ao Xingu, impedindo uma forma mais inteligente de uso da terra.

Graças ao debate que se suscitou, as obras ficaram paradas por algum tempo. Mas logo as máquinas voltaram à ativa e a estrada foi rasgada. A irracionalidade, que tanto mal causou ao Araguaia/Tocantins, fez pousada no Xingu. Sua principal atividade econômica, a pecuária, era impensável três décadas antes. Parece que andamos para trás.

No auge do verão deste ano, em agosto, 30% dos quase 65 mil focos de calor registrados pelo satélite do Inpe (Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, de São Paulo), estavam localizados em São Félix. Quase 16 mil hectares de floresta densa foram postos abaixo e em seu lugar plantado capim para os bois pastarem – os animais irracionais e seus donos, a eles equivalentes. Só um ser irracional pode ainda achar que trocar floresta por pastagens é lucrativo ou mesmo natural.

As imagens do satélite revelaram que de agosto de 2009 a agosto de 2010 foram destruídos 16 mil hectares de florestas primárias em São Félix do Xingu, grande parte delas substituídas por pastagens. Em 15 dias, entre 21 de outubro e 5 de novembro, técnicos do Ibama constataram que 1,9 mil hectares de florestas nativas foram derrubados com a mesma finalidade. Os transgressores foram multados em 12,3 milhões de reais.

Numa outra área, de 590 hectares, o crime ambiental caracterizado foi a queima de lavouras e pastagens para a realização de novos plantios. Quase um quarto dos fazendeiros estabelecidos na região toca fogo na mata que sobrevive ao desmatamento ou nas roças e pastos degradados. A multa para esses casos foi de R$ 66 milhões.

Observa-se que a multa para a derrubada da floresta original foi de R$ 6,5 mil por cada hectare desmatado. Para as lavouras ou pastagens queimadas, a sanção foi de R$ 1,13 milhão. A razão, à vista do tal “modelo” de ocupação da Amazônia, é evidente: pastos e lavouras são benfeitorias, com maior valor agregado. Já a floresta, gerada através de processo natural, não tem incorporação de valor, que só é conferido pelo homem, cuja presença substitui o domínio da natureza.

Por isso, a punição para quem a destrói é mais branda (admitindo-se que as multas venham um dia a ser pagas, o que raramente acontece). Inversão total de valores, é claro, mas de acordo com a irracionalidade que preside os atos humanos na última grande fronteira da Terra.

Apesar de todas as campanhas de conscientização e das medidas de repressão e punição, ainda parece muito distante de ser alcançado um objetivo primário, que instauraria a civilização humana na Amazônia: a abolição do fogo como ferramenta para o trato da terra. Esse conhecimento, universalizado no meio técnico, não consegue passar dos gabinetes e laboratórios para as práticas usuais. A distância entre o saber e o fazer se tornou amazônica. Na Amazônia que interessa: a das quantidades.

O que é Psoríase?

O que é Psoríase?

É uma doença inflamatória crônica da pele que se manifesta, na maioria das vezes, por lesões eritematosas (róseas ou avermelhadas) recobertas por escamas esbranquiçadas. Em alguns casos, as lesões podem estar localizadas apenas nos cotovelos, joelhos ou couro cabeludo. Já em outros, se espalham por toda a pele. Frequentemente há acometimento das unhas. Embora seja pouco frequente, existem casos em que as articulações também podem ser afetadas causando a artrite psoriásica. A psoríase causa grande impacto na qualidade de vida dos pacientes que, muitas vezes, se sentem rejeitados ou discriminados em seus ambientes sociais e de trabalho.

O que causa a Psoríase?
Os motivos que causam a psoríase ainda não estão totalmente esclarecidos. As pesquisas científicas demonstram que existe alguém na família com o mesmo problema em 30% dos casos. Alguns fatores podem aumentar ou desencadear a doença, como o estresse emocional, traumas ou irritações na pele, infecções na garganta, baixa umidade do ar ou alguns medicamentos.

Quem desenvolve a Psoríase?
A psoríase é uma doença milenar muito comum. Afeta quase 3% da população, tanto homens quanto mulheres. Normalmente aparece na segunda década da vida. Quando os menores de 15 anos são atingidos é porque, provavelmente, algum dos familiares teve a doença.

A Psoríase é contagiosa?
Não se pega psoríase de ninguém e não existe nenhum motivo para os pacientes evitarem contato físico com outras pessoas ou vice-versa.

Como é feito o diagnóstico?
Pelo simples exame clínico do dermatologista, que é o médico mais indicado para tratar da pele, cabelos e unhas. A psoríase não causa manifestação nos órgãos internos, por isso, os exames de laboratórios têm pouca utilidade. Além do "olho clínico", o único recurso que pode confirmar o diagnóstico é a biópsia da pele: um exame simples, feito no consultório ou ambulatório, em que o médico tira um pedacinho da pele para análise.

Quais os tipos de Psoríase?
Psoríase vulgar ou em placas

A psoríase em placas, vulgar ou numular é a mais comum. Atinge 90% dos pacientes. A doença pode apresentar diferenças em relação à intensidade e evolução. As áreas mais afetadas são cotovelos, joelhos, couro cabeludo, região lombo-sacra e umbigo.

Psoríase nas unhas ou ungueal

Em até 90% dos casos a psoríase pode envolver as unhas, correspondendo a um grande estigma da doença, pois interfere nas relações sociais e atividades de trabalho. Umas das principais características da doença é o descolamento da unha (onicólise). Para minimizar é preciso que o paciente evite traumatismos. Por isso, é importante manter a unha curta, seca e limpa para diminuir as chances de ocorrerem estímulos que possam intensificar o descolamento.

Artrite psoriática

Uma pequena parcela da população de pacientes pode apresentar esse tipo de manifestação da doença, que pode apresentar inflamações nas cartilagens e articulações, desenvolvendo dor, dificuldades nos movimentos e alterações na forma das articulações.

Além dos principais tipos de psoríase, também destacamos:

•Psoríase em gotas
•Psoríase eritrodérmica
•Psoríase pustulosa
•Psoríase invertida
•Psoríase palmo-plantar

Tratamento
São várias as formas de tratamento, portanto cabe ao dermatologista avaliar a melhor indicação. Nas formas leves, são prescritos medicamentos tópicos sob a forma de pomada, loções, xampus ou géis. Nas formas mais avançadas, além de duas ou três sessões de fototerapia por semana, podem ser indicados medicamentos de uso interno via oral ou injetável, dependendo do caso. É fundamental usar diariamente hidratantes ou substâncias que ajudem a manter a pele com menos escamas.

Seja otimista
A psoríase é uma doença que pode ser controlada e não é contagiosa. O estresse e a ansiedade são fatores que desencadeiam ou agravam a psoríase, portanto tente adotar um estilo de vida menos estressante e, caso não consiga, procure a ajuda na associação de pacientes da sua cidade ou a de um psicoterapeuta.

FONTE: Portal da Sociedade Brasileira de Dermatologia (www.http://www.sbd.org.br/campanha/psoriase/sobrepso.aspx)

Retrospectiva 2010...

Relembrem com a gente

* Logo no dia 01 de janeiro tivemos uma catástrofe em Angra dos Reis e com certeza foi o maior desastre natural que ocorreu em Angra.
* O Carnaval foi maravilhoso como sempre.
* Ainda em fevereiro o Chile sofreu um terremoto que afetou milhões de pessoas e sentimos o tremor até aqui no Brasil.
* Tivemos a gripe suína que matou muita gente, mas também uma vitória com a primeira etapa da vacinação.
* Um evento marcou a cidade de São Paulo em março que foi a prova de abertura da Fórmula Indy.
* Em abril o nosso grande Francisco Cândido Xavier completaria 100 anos no dia 02 o que comoveu o país inteiro já que ele é uma forte lembrança de fé e coragem.
* Em maio tivemos um caso que chocou o país, o desaparecimento da advogada Mércia Nakashima que ainda está sem solução.
* Em junho começou a tão esperada Copa do Mundo onde nosso Brasil não conseguiu vencer e a Espanha ganha a sua primeira Copa.
* Ainda este mês morreu um grande nome da literatura o escritor português José Saramago aos 87 anos.
* Mais um grande caso de assassinato sem solução da ex namorada do goleiro Bruno, Elisa Samudio.
* O ano de 2010 será lembrado como o palco de crimes que não só chocaram o País por sua violência como intrigam por ainda não terem um ponto final. Os casos Glauco, Bruno e Mércia já chegaram à Justiça, mas não há um veredicto e alguns daqueles que são apontados como seus executores alegam inocência.
* Uma mina no Chile sofre um desabamento onde soterra 33 operários, mas foram todos resgatados com vida mais de um mês depois.
* Em 2010 o time paulista Corinthians completou 100 anos.
* Tivemos também as eleições em 2010 e pela primeira vez em nosso país a vencedora foi uma mulher; Dilma Roussef e muitas zebras também!
* Tiririca foi eleito deputado federal por São Paulo com mais de 1,3 milhões de votos.
* Forte presença de importados no Salão do Automóvel
* O império do dono do Baú fica ameaçado e o Banco Panamericano pede um empréstimo de R$ 2,5 bilhões sendo que Silvio Santos coloca todo o seu complexo empresarial incluindo a emissora de televisão SBT como garantia pelo empréstimo.
* Rio de Janeiro vive guerra urbana com vitória da polícia e a grande ajuda do povo carioca.
* Espanha realiza primeiro transplante total de rosto.
* Twitter foi um dos marcos na internet no ano.
* Cinzas vulcânicas provocam caos na Europa.
* Brasil é tricampeão mundial de vôlei.
* Com Selic a 10,75%, Brasil volta ao posto de campeão dos juros reais.
* Tropa de Elite 2 foi o filme mais visto do ano no Brasil.


Que 2011 seja repleto de paz, amor, saúde e alegrias para todos!

Por Ana Burguesa

O que dizer para um grande amigo ou amiga?

O que dizer para um grande amigo ou amiga? De fato, existem muitas coisas para se falar e homenagear essas pessoas que pra gente são tão especiais. Se você quer homenagear seu amigo, seguem algumas frases.

Mas lembre-se, mais importante do que falar, é demonstrar o quanto ele é realmente importante na sua vida.

A amizade é como a saúde: Nunca nos damos conta de seu verdadeiro valor até que a perdemos.

Todo meu patrimônio são meus amigos

Um verdadeiro amigo é aquele que entra quando todos os demais se vão.

Um amigo é alguém que está contigo porque lhe precisas, ainda que lhe encantaria estar em outra parte.

Quando te dói olhar para atrás e te dá medo olhar adiante, mira para a esquerda ou a direita e ali estarei, a teu lado.

Muita gente entra e sai em tua vida ao longo dos anos. Mas só os verdadeiros amigos deixam impressões em seu coração.

Um amigo verdadeiro é alguém que crê em ti ainda que teu deixes de crer em ti mesmo.

Um abraço vale mil palavras. Um amigo mais.

Ao final, não nos lembraremos tanto das palavras de nossos inimigos, senão dos silêncios de nossos amigos

Cultivar um verdadeiro amigo requer dedicação e tempo.

A amizade é o ingrediente mais importante na receita da vida.

Uma vida sem amigos é como viver numa ilha deserta, sem água, sem alimentos, sem luz.

Um verdadeiro amigo é alguém capaz de tocar teu coração desde o outro lado do mundo.

Um verdadeiro amigo é alguém que te conhece tal como és, compreende onde tens estado, acompanha-te em teus lucros e teus

fracassos, celebra tuas alegrias, compartilha tua dor e jamais te julga por teus erros.

Quem descubra a verdadeira amizade, encontra-se com um tesouro.

Que é um amigo? É um único alma que vive em dois corpos

A melhor forma de destruir a seu inimigo é converter-lhe em seu amigo

O melhor espelho é um velho amigo (George Herbert).

A amizade duplica nossas alegrias e divide nossa tristeza.

Se planta uma semente de amizade, recolherá um ramo de felicidade

Enquanto se tenha ao menos um amigo, ninguém é inútil

Uma resposta honesta é sinal de uma amizade verdadeira.

É muito difícil encontrar um bom amigo, mais difícil ainda deixá-lo e impossível esquecê-lo.

Amigo é coisa pra se guardar no peito

Amigos sao anjos que nos deixam de pé quando nossas assas tem problemas em se lebrar como voar

A amizade é como as estrelas. Não às vemos toda hora,mais sabemos que existem

As pessoas entram na nossa vida por acaso; mas não é por acaso que elas permanecem!

A amizade é como as estrelas; mesmo à distância elas brilham!!

Se um precisar de mim,nem pense em me procurar… me procure sem pensar!!!!

Que a nossa amizade não seja como a lua que apesar de linda às vezes muda de fase, mas que seja como o céu que apesar de lindo e infinito…

Para ser amado e para ser querido, basta ser amado, basta ser AMIGO.

Amigos como você, são difíceis de encontrar e impossíveis de esquecer.

Amigos de verdade não se separam apenas seguem caminhos diferentes.

Por Gilberto Coelho

Homens quando casam ficam menos agressivos...

Homens casados têm comportamentos menos agressivos e até mesmo ilegais do que os solteiros, diz um estudo feito pelaMichigan State University, nos Estados Unidos. De acordo com a pesquisa, a maior socialização do sexo masculino após o casamento foi considerado como um dos principais motivos da diminuição dos casos de homens que se envolveram em brigas, acidentes automotivos e casos de prisão, após o casamento.

Os homens menos antisociais estão mais propensos a se casarem. Somado a isso, depois do casamento, o comportamento masculino muda, e eles passam a conviver ainda melhor com as pessoas, se mantendo dentro de um perfil mais social. Esse comportamento também variava de acordo com a qualidade do casamento.

O estudo foi o primeiro a investigar os efeitos do casamento no comportamento antisocial, usando dados genéticos. Os pesquisadores examinaram 289 pares de gêmeos masculinos em quatro etapas, aos 17, 20, 24 e 29 anos. De acordo com os cientistas, a pesquisa mostrou que os homens que tinham um comportamento menos antisocial aos 17 e 20 anos estavam mais propícios a estar casados aos 29 anos. Além disso, se um dos gêmeos ainda estivesse solteiro, a diferença de agressividade entre os dois aumentava, se comparado com a fase da juventude.

Segundo os autores do estudo, mesmo que o casamento iniba um comportamento antisocial, esse não é o único motivo para a diminuição de ações agressivas nos homens. A união social estável com outra pessoa e o menor tempo para gastar com ações mais perigosas são outros motivos que explicam essa tendência.
Casamento protege o coração

Ter um casamento feliz pode também proteger o coração do sexo masculino. Homens solteiros e com casamentos infelizes têm mais chances de sofrer um AVC seguido de morte. É o que sugere um estudo, apresentado no congresso internacional da American Stroke Association, feito com pouco mais de 10 mil homens que foram avaliados desde 1963 pelo estudo israelense Ischemic Heart Disease.

Depois de levar em conta outros fatores de risco de derrame, os homens solteiros tinham 64% mais chances de sofrer um derrame fatal nas três décadas seguintes, se comparados aos homens casados. O risco de derrame fatal era semelhante naqueles que se diziam infelizes com o casamento. Esse dado é comparado ao risco de AVC em homens diabéticos, segundo os pesquisadores. Um total de 8,4% dos homens que eram solteiros em 1963 (que nunca haviam se casado ou que eram viúvos ou divorciado) morreram de AVC ao longo desses 34 anos, em comparação com 7,1% dos casados.

De acordo com os pesquisadores, o apoio da esposa pode melhorar a saúde do homem. Aqueles com parceiras vão ao médico com mais frequência, tomam os remédios recomendados e têm uma alimentação mais saudável. A companheira também percebe sintomas diferentes mais rapidamente, buscando um pronto atendimento. Todos estes fatores diminuem as chances de um derrame ser fatal.
www.minhavida.com.br

terça-feira, 14 de dezembro de 2010

O Pequeno Príncipe.parte1.audiobook com Paulo Autran e Tom Jobim

O Pequeno Príncipe - A Última Viagem Da Rosa (Parte 1 de 3)

Bandeira do Brasil...

Toda nação tem uma bandeira para representar seus ideais e principios. Por todo o mundo, existem diversos modelos, mas certamente o modelo mais bonito é o do Brasil. Mas você sabe o a história da bandeira brasileira e o seu significado?

Segundo o site Wikipedia, a bandeira nacional do Brasil foi adotada em 19 de novembro de 1889, tendo suas cores e dimensões estabelecidas pelo decreto-lei número quatro, de 19 de novembro de 1889, sofrendo poucas alterações desde então. Tem por base um retângulo verde com proporções de 07:10, sobrepondo-se um losango amarelo e um círculo azul, no meio do qual está atravessada uma faixa branca com o lema nacional, “ORDEM E PROGRESSO”, em letras maiúsculas verdes sendo a letra E central um pouco menor, além de vinte e sete estrelas brancas.

A atual bandeira nacional é a segunda republicana e o terceiro estandarte oficial do Brasil desde sua independência.

Significado

Apesar de muito se especular, o decreto que originalmente determina os símbolos da nova nação, assinado aos 18 de setembro de 1822, nada oficializa sobre os possíveis significados das formas e cores adotadas. Especialistas, todavia, geralmente acreditam a cor verde originalmente simbolizaria a casa de Bragança, da qual fazia parte D. Pedro I, em referência ao estandarte pessoal de D. Pedro II de Portugal, ao passo que a amarela simbolizaria a casa de Habsburgo, da qual fazia parte D. Leopoldina. Entretanto a cor verde nunca foi utilizada exclusivamente como representação da Casa de Bragança na História de Portugal, tendo sido usados igualmente o vermelho, o azul e sobretudo o branco.

Ainda hoje, não foi expedido decreto que defina oficialmente os significados de cada cor e forma, sendo contudo extremamente popular a interpretação de que o verde representa as florestas, o amarelo, os minérios, e o azul, o céu, ao ponto que a hipótese heráldica é virtualmente desconhecida do grande público. As estrelas, que representam os Estados que formam a União, e a faixa branca estão de acordo, respectivamente, com os astros e o azimute no céu carioca na manhã de 15 de novembro de 1889, às 8h30 (doze horas siderais), e devem ser consideradas como vistas por um observador situado fora da esfera celeste.

Sobre o lema
A inscrição “Ordem e Progresso”, sempre em verde, é uma forma abreviada do lema político positivista cujo autor é o francês Auguste Comte: O Amor por princípio e a Ordem por base; o Progresso por fim (em francês: “L’amour pour principe et l’ordre pour base; le progrès pour but”).

Euclides da Cunha, aluno de Benjamin Constant, declarou: “O lema da nossa bandeira é uma síntese admirável do que há de mais elevado em política”.

Sobre as estrelas
A estrela Espiga, situada acima da faixa branca, representa o estado do Pará, que, à época da proclamação da República, era o Estado cuja capital, Belém, era a mais setentrional do país. As estrelas do Cruzeiro do Sul representam os cinco principais Estados de então: São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Bahia e Espírito Santo. O Distrito Federal, inicialmente na cidade do Rio de Janeiro, e em 1960 transferido para Brasília, foi representado pela estrela sigma da constelação do Oitante, também chamada de Polaris Australis ou Estrela Polar do Sul, por situar-se no Polo Sul celestial (em contrapartida a Polaris, situada no Polo Norte celestial). Apesar de ser pouco brilhante e estar próxima ao limite de visualização a olho nu, essa estrela tem uma posição única no céu do hemisfério sul, pois é em torno dela que todas as estrelas visíveis giram. Além disso, Polaris Australis sempre está acima da linha do horizonte e pode ser vista a qualquer dia e hora de quase todos os lugares ao sul da linha do Equador.
Paula da Paz

segunda-feira, 13 de dezembro de 2010

Osteopenia

O esqueleto humano é formado por ossos que são naturalmente porosos. São compostos de tecidos crivados de poros que formam interseções em sua composição e não de estruturas completamente maciças.

Os ossos possuem diversas células que são constantemente absorvidas e renovadas pelo organismo, de modo a fazer com que os ossos estejam freqüentemente sendo remodelados.

Porém, com o avançar da idade, mais ou menos a partir dos quarenta e cinco anos, a absorção das células ósseas passa a ser mais rápida e a velocidade de sua renovação se torna mais lenta, resultando em desequilíbrios na estrutura óssea. Isso faz com que aos poucos a porosidade das estruturas ósseas aumente diminuindo a densidade e fragilizando os ossos, especialmente nas vértebras, nos punhos e no quadril.

A osteopenia significa que a densidade do osso está mais baixa que o normal. É o início da perda de massa óssea e pode ser considerada como o estágio anterior da osteoporose (enfermidade que fragiliza os ossos alterando a sua microarquitetura e aumentando o risco de fraturas, até mesmo, por esforços banais).

Essa transformação das estruturas ósseas, que pode ser constatada em exames radiológicos, demonstra que o osso está fraco ou atenuado e, portanto, deve ter um correto acompanhamento e tratamento médico.

As mulheres, após a quarta década de vida, tornam se mais expostas à osteopenia. Isso ocorre em grande parte devido à baixa de produção do hormônio feminino estrógeno, que executa importante função na proteção dos ossos.


Para se precaver dos efeitos nocivos dessa patologia, o aspecto comportamental tem papel decisivo. Com efeito, hábitos de vida que incluam a ingestão adequada de cálcio, banhos de sol e a prática de exercícios físicos terapêuticos são muito úteis na prevenção da osteopenia.


O cálcio tem papel essencial na constituição dos ossos, sendo a ingestão do leite e dos seus derivados uma forma auxiliar de evitar a sua escassez. A exposição cautelosa à luz solar, por ser rica em raios ultravioleta, favorece a formação da vitamina D (que é necessária para o melhor aproveitamento do cálcio ingerido). Ademais, os exercícios são necessários porque músculos fortes e exigidos ajudam os ossos a também ficarem fortalecidos.


Para as pessoas que já estão acometidas pela osteopenia, contudo, é necessário um correto acompanhamento multidisciplinar. Cada caso deve ser analisado criteriosamente, podendo valer-se do tratamento de um Médico, de um Fisioterapeuta, de um Nutricionista e de demais profissionais da saúde, objetivando deter a fragilidade e, quando possível, recompor a massa óssea.


Laís Bittencourt de Moraes é Fisioterapeuta. Crefito9/80247-F. Pós-graduada em Fisioterapia Ortopédica, Traumatológica e Reumatológica (UNOESTE-SP). Pós-graduada em Metodologia do Ensino Superior (UNIGRAN-MS). Formada em Aurículo e crânio-acupuntura. Formada no método Pilates. Pós-graduanda em Acupuntura (ABA-Associação Brasileira de Acupuntura).

Magnésio produz equilíbrio mineral

Cloreto de Magnésio
O magnésio produz equilíbrio mineral, anima os órgãos em suas funções (catalizadoras), como rins para eliminar o ácido úrico nas artroses, descalcifica até as finas membranas nas articulações e as escleroses calcificadas purificando o sangue, revitaliza o cérebro, devolve ou conserva a juventude até alta idade. O magnésio é de todos o menos dispendioso. Depois de 40 anos o organismo absorve sempre menos o magnésio, produzindo velhice e doenças. Por isso deve ser tomado conforme a idade: Dos 40 aos 55 anos: ½ dose. Dos 55 aos 70 anos: 1 dose de manhã, dos 70 aos 100 anos: 1 dose de manhã e 1 dose à noite. Não fugirá a todas as doenças, dores e ao desgaste natural, mas serão bem atenuados e eliminados. A O magnésio não é remédio, mas alimento sem contra indicação e compatível com qualquer outro medicamento simultâneo. Dificilmente passará o limite, por isso, as doses indicadas para os de 40 a 100 anos são mínimas. INDICAÇÕES:
O Cloreto de Magnésio é, sobretudo importante para eliminar calcificações da Coluna como Bico de Papagaio, Ciática, Esclerose, Artrite, Artrose, importante para evitar o Câncer, evita Enfartes e Envelhecimento, combate o Colesterol, Reumatismo, a Gota, porque ajuda os Rins a eliminar o Ácido Úrico. O Magnésio consegue desmanchar essas Calcificações, basta usar com perseverança. Além disso, acalma o Sistema Nervoso e volta a Lucidez Cerebral. O Magnésio assimila o cálcio cego e o Fósforo fugidio eliminando os excessos. Fixa o Cálcio nos Ossos, depois de retirá-lo das Cartilagens, Membranas e Artérias onde se assentou erradamente.
É bom contra Osteoporose. Assim as Cartilagens ficam mais macias sem Pinçar Nervos (Ciática), As Membranas escorregadias sem dores nas articulações a não ser que o Osso já encoste com Osso. Limpa as Artérias duras (Esclerose) de suas incrustações deixando o sangue puro e fluido para abrir as veias finas como cabelo, que voltam a irrigar o Cérebro, Coração, Fígado. O Coração Rejuvenesce e evita a Necrose (Sem Vida), Pontes de Safena, Descalcifica as Válvulas. Dá Novo Vigor e Flexibilidade. Evita a Fadiga e Infecções. Quando curado, tomar Cloreto de magnésio como preventivo, isto é, conforme a idade. ARTROSE: o ácido úrico se deposita nas articulações do corpo, visivelmente nos dedos que incham. É porque os rins estão falhando, por falta de magnésio. Tenha cautela, pois um rim talvez esteja deteriorado: 1 dose de manhã. Se em 20 dias não sentir melhora e não reparar a anormalidade, tomar 1 dose pela manhã e 1 dose à noite. Depois de curado, continuar as doses preventivas. PRÓSTATA: Exemplo: Um ancião já não consegue urinar. Nas vésperas da operação, deram-lhe 3 doses como preparação. Aí começou a melhorar... e depois de uma semana estava curado, sem operação. Há casos em que a próstata regride às vezes ao normal: 2 doses de manhã, 2 doses á tarde e 2 doses á noite. Ao melhorar, tomar como preventivo. CÂNCER: Nós todos o temos, em grau moderado. Consiste em células mal formadas por falta de alguma substância (refinados) ou presença de partículas tóxicas. Infelizmente, todo processo canceroso é lento, não causa nenhuma dor de alerta até aparecer o tumor, que segrega tóxicos (vírus muito variados) que invadem as células sadias em ramificações (semelhante a um caranguejo) que quer dizer: Câncer em latim. Aí o magnésio pode só freiar um pouco... curar não.
Há porém leves indícios: se já houver nódulo debaixo da pele do seio, aí o magnésio é o melhor preventivo, para o câncer não progredir e formar tumor. Além dos alimentos cancerígenos que devemos evitar, o mais importante é guardar o equilíbrio mineral, tomando o Cloreto de Magnésio, como doses de prevenção. Basta o corpo estar devidamente mineralizado pra se ver livre de todas as doenças. DOSAGEM E PREPARO:
A dose a tomar diariamente varia conforme o caso e a idade. Para preparar a solução de Cloreto de Magnésio de modo geral se faz assim: mistura-se 2 colheres rasas do cloreto em 1 ½ Litro de água pura (Sem Cloro), agitar e deixar em repouso. Não precisa colocar na geladeira.
Toma-se um copinho desses de cafezinho ou dois dedos de altura dentro de um copo comum em jejum ou entre as refeições. Depois de uma semana, se tudo está indo bem, passa-se a tomar também uma dose dessas à noite. As crianças novas também podem tomar uma colher das de sopa, da solução por dia. Depois dos 10 anos mais ou menos, já podem tomar metade da dose do adulto.
Mulheres grávidas também podem tomar pelo menos uma dose normal por dia. Isso favorece parto suave e bebê sadio. Depois dos quarenta anos, cada pessoa deveria usar um pouco. Depois dos setenta anos é importante usar até três doses da solução por dia, pois é na velhice que este produto opera maravilhas. Se a pressão subir um pouco é recomendado tomar alguma coisa para baixar a pressão, como suco puro de limão, mais não deixar de tomar o Cloreto de Magnésio, porque logo a pressão normalizará.
www.shvoong.com

Receita para o sucesso...

Receita para o sucesso

Josué 1:1-9



Não cesses de falar deste Livro da Lei; antes, medita nele dia e noite […] e serás bem-sucedido. —Josué 1:8



Narizes torcidos e lábios contraídos — algumas vezes essa é a reação de minha família quando cozinho; especialmente quando tento algo novo na cozinha. Recentemente, tive uma experiência interessante com uma versão singular de uma receita de macarrão com queijo. Anotei rapidamente os ingredientes e guardei a receita para futuras oportunidades. Sem a sequência de instruções, eu sabia que a receita seria um fracasso.

Sem as instruções de Deus, Josué teria fracassado ao liderar os israelitas à Terra Prometida. O primeiro passo era “ser forte e corajoso” (Josué 1:6). A seguir, deveria meditar continuamente no Livro da Lei, e finalmente, deveria fazer tudo o que o livro dizia. Enquanto Josué seguisse as orientações, tinha de Deus a promessa de ser “bem-sucedido” (v.8).

A “receita do sucesso” de Deus pode funcionar para nós também, mas a ideia que Ele tem de sucesso tem pouca relação com dinheiro, popularidade ou até mesmo boa saúde. No original hebraico, “e serás bem-sucedido” significa “você agirá com sabedoria”. Assim como Deus chamou Josué para caminhar em sabedoria, Ele também nos diz “…vede prudentemente como andais, não como néscios, e sim como sábios…” (Efésios 5:15).

Conforme somos encorajados no Senhor, nos alimentamos de Sua Palavra e o obedecemos, temos a receita para o sucesso divino que é melhor do que qualquer receita que poderíamos preparar sozinhos.

A receita para o sucesso espiritual exige a obediência à Palavra de Deus.



Vou colocar aqui o texto bíblico sugerido acima



Josué 1:1-9

1 E sucedeu, depois da morte de Moisés, servo do SENHOR, que o SENHOR falou a Josué, filho de Num, servo de Moisés, dizendo:

2 Moisés, meu servo, é morto; levanta-te, pois, agora, passa este Jordão, tu e todo este povo, à terra que eu dou aos filhos de Israel.

3 Todo lugar que pisar a planta do vosso pé, vo-lo tenho dado, como eu disse a Moisés.

4 Desde o deserto e desde este Líbano até ao grande rio, o rio Eufrates, toda a terra dos heteus e até o grande mar para o poente do sol será o vosso termo.

5 Ninguém se susterá diante de ti, todos os dias da tua vida; como fui com Moisés, assim serei contigo; não te deixarei nem te desampararei.

6 Esforça-te e tem bom ânimo, porque tu farás a este povo herdar a terra que jurei a seus pais lhes daria.

7 Tão-somente esforça-te e tem mui bom ânimo para teres o cuidado de fazer conforme toda a lei que meu servo Moisés te ordenou; dela não te desvies, nem para a direita nem para a esquerda, para que prudentemente te conduzas por onde quer que andares.

8 Não se aparte da tua boca o livro desta Lei; antes, medita nele dia e noite, para que tenhas cuidado de fazer conforme tudo quanto nele está escrito; porque, então, farás prosperar o teu caminho e, então, prudentemente te conduzirás.

9 Não to mandei eu? Esforça-te e tem bom ânimo; não pasmes, nem te espantes, porque o SENHOR, teu Deus, é contigo, por onde quer que andares.



Que a paz de Deus, que excede todo o entendimento, guarde o teu coração e a tua mente e os teus pensamentos e os teus olhos e as tuas ações em Cristo.

Tenha um lindo dia e um ótimo fim de semana, muito abençoados.

Um grande e afetuoso abraço

Nelson Ferronato

sábado, 11 de dezembro de 2010

HISTÓRIA DO NATAL DIGITAL

Boas Festas...

Quisera, Senhor, neste Natal
armar uma árvore dentro de meu coração,
e nela pendurar em vez de presentes,
os nomes de todos meus amigos.
Os meus amigos de longe e de perto.
Os antigos e os mais recentes.
Os que vejo a cada dia e os que raramente vejo.
Os sempre lembrados e os as vezes esquecidos.
Aqueles a quem eu conheço profundamente,
e aqueles que não são muito conhecidos,
a não ser nas aparências.
Os constantes e os inconstantes.
Os das horas difíceis e os das horas alegres.
Os que sem querer magoei e os que sem querer me magoaram.
Os que pouco me devem e aqueles a quem devo muito.
Meus amigos jovens e velhinhos,
não esquecendo também das criancinhas, ternas amiguinhas,
os nomes de todos que já passaram por minha vida.
Aqueles que eu conheço, sem me conhecerem,
aqueles que me conhecem, sem que eu os conheça,
que me admiram e estimam sem eu saber,
e os que admiro e estimo sem lhes dar a entender...
Uma árvore de raízes profundas,
para que os seus nomes nunca sejam arrancados do meu coração,
seus ramos muito extensos, para receberem outros ramos.
Sua sombra muito agradável para que nossa amizade
seja um momento de repouso em nossas horas difíceis da vida!!!

Boas Festas!!

sexta-feira, 10 de dezembro de 2010

Os cachorros sonham?

Por Ayrton Mugnaini Jr

“Cachorro sonha, eu vi.” Assim a grande escritora Clarice Lispector testemunhou e resumiu suas observações sobre Dilermando, o famoso cão que adotou quando morou na Itália e que inspirou seu famoso conto “O Crime do Professor de Matemática”, excelente libelo pela posse responsável em forma de bela literatura. Clarice gostava de assistir à “sonolência povoada de sonhos” de Dilermando, o que é um excelente – e, ainda por cima, bonito – ponto de partida para nosso tema de hoje.

Sim, os caninos também sonham, e demonstram isso se agitando, rosnando, latindo, mexendo as patas. Podem ter sonhos agitados, exatamente como nós, humanos, o que tem sido confirmado em muitos testes de laboratório, com elétrodos nos peludos dorminhocos e tudo o mais.

Sonhar faz bem
Manter a mente ativa é um dos maiores segredos para se ter vida longa e de qualidade, inclusive prevenindo problemas ligados à falta de memória como o mal de Alzheimer. Sonhar durante o sono é justamente uma forma que a natureza nos deu para manter a mente ativa até enquanto dormimos, mesmo que os sentidos fiquem “desligados”.

“Nos deu” inclui não somente nós, seres humanos, mas os mamíferos em geral, cujo hipocampo – parte do cérebro que cuida da memória – é construído da mesma forma em quase todos. Sonhar é particularmente útil para manter a saúde mental de cães, gatos, ratos e outros que não podem fazer palavras cruzadas e outros exercícios para exercitar a mente.

Como afirmamos, está mais que provado que outros mamíferos, além do ser humano, também sonham. Por exemplo, lembrei-me de um artigo que li na revista Realidade, por volta de 1970, segundo o qual um gatinho sofreu uma cirurgia no cérebro que o impediu de sonhar, e pouco tempo depois ele faleceu – não por coincidência; portanto, parafraseando Chico Buarque, deixe o felino sonhar em paz. E o canino também.

E com o quê os cães sonham? Ora, muito simples: com todas as experiências que eles vivem no dia a dia, seja comer, perseguir gatos ou correr com o dono pela grama.

Como os cães sonham
Além de os cães também sonharem, o sono deles é semelhante ao dos humanos. Eles também passam pelos três estágios de vigília, ciclos de onda lenta (SWS em inglês), ou seja, sono leve, e de movimento rápido dos olhos (o famoso REM), sendo este último estágio o de sono mais profundo e quando ocorrem os sonhos – é aí que o peludo começa a correr e se agitar. A diferença básica é que o ciclo de sonhos dos cães costuma ser mais rápido; eles têm REM aproximadamente a cada 25 minutos, em média, e os humanos a cada hora e meia.

Duas curiosidades reveladas pelos testes. Quanto maior o porte do peludo, menos ele sonha; por exemplo, segundo o psicólogo Stanley Coren (autor de livros como “How Dogs Think: Understanding the Canine Mind”), um cão pequeno sonha a cada dez minutos, e cada “filminho” não chega a um minuto, ao passo que mastifes e Dogues Alemães têm sonhos de cinco minutos a cada três quartos de hora. E filhotinhos e velhotinhos sonham mais que cães na idade intermediária.

E não se engane com as aparências: se o cão estiver “enrolado” sobre si mesmo como um caracol ou de barriga para cima, isso não significa que ele esteja dormindo pesado; pelo contrário, ele ainda está tenso (inclusive a barriga para cima indica que está muito calor e o peludo dorme assim por ser menos peludo na barriga), e só vai entrar na fase REM quando estiver totalmente relaxado.

Busca de tranquilidade é outro motivo pelo qual cães dormem encostadinhos em outros cães ou pessoas, a cuja “matilha” eles querem pertencer. Por falar em tranquilidade, há poucas coisas mais perigosas que acordar um cão no estágio REM do sono; dificilmente ele pensará duas vezes antes de atacar quem ousou interromper seu sonho. Não é preciso ser genial como Coren ou Lispector para perceber que cães sonham. E vale repetir Chico Buarque: deixe o canino sonhar em paz!

O Endividamento da União e a Disputa Presidencial

O Endividamento da União e a Disputa Presidencial



O primeiro turno das eleições presidenciais já se encerrou e nos encontramos em plena disputa do segundo turno, mais uma vez envolvendo os candidatos do PT e do PSDB.
Em 1994 e em 1998, esta disputa também se deu, porém FHC – o candidato dos tucanos à época – acabou por vencer as eleições já no primeiro turno. Em 2002 e em 2006, a decisão apenas se deu no segundo turno.
Há dezesseis anos, portanto, a polarização entre PSDB e PT marca a disputa da eleição mais importante do país.
Contudo, ao contrário do que um eleitor mais desavisado poderia supor, a discussão sobre a realidade econômica e as políticas a serem adotadas pelos candidatos, caso sejam eleitos, continuam a ser escamoteadas.
Em 1994, em meio à euforia do lançamento do Real, a plataforma agressiva das privatizações do PSDB não foi antecipada por FHC, assim como em 1998, no direito a uma reeleição comprada por meio de uma emenda constitucional, o mesmo FHC não deu ciência ao país do acordo em curso com o FMI, provocado pela situação falimentar em que se encontrava o Brasil.
Em 2002, tivemos mais conhecimento da crise que vivíamos, por força de um novo acordo celebrado com o mesmo FMI, e do compromisso, que todos os candidatos acabaram por assumir, em respeitar as exigências que nos eram impostas. O que Lula, o vencedor daquela eleição, não divulgou foi a sua intenção em ser mais realista do que o rei. Já como presidente, sua primeira medida foi aumentar a meta do superávit primário estabelecida inicialmente com o FMI, de 3,75%, para 4,25% do PIB.
Em 2006, forçado a uma disputa com o reacionário Geraldo Alckmin, Lula usou e abusou da pertinente acusação de privatista, contra o seu adversário. O que o mesmo Lula não esclareceu ao eleitorado foi a sua intenção, materializada logo no início do seu segundo mandato, em privatizar o trecho da BR-101, ligando o Rio de Janeiro à cidade de Campos, no norte fluminense.
Esses exemplos mostram muito bem como os candidatos de confiança do sistema financeiro – sistema que parece ser uma espécie de fiel da balança dos políticos de sucesso – agem em relação ao eleitorado.
Agora, em 2010, há um silêncio sepulcral, dos ungidos pelas generosas verbas de campanha, em relação ao grave problema do endividamento da União.
Ao contrário, o candidato tucano – apesar de toda a grita de economistas ligados ao seu PSDB contra a “explosão dos gastos correntes” no governo Lula – promete um salário mínimo de R$ 600,00, reajuste de 10% nas pensões e aposentadorias do INSS e 13º “salário” para o Bolsa Família!!
Demagogias ou falsas promessas à parte, o problema é que temos de fato um sério desafio pela frente. Plínio de Arruda, do PSOL, no primeiro turno das eleições, com toda razão apontou a necessidade de uma séria auditoria da dívida pública do país, conforme uma das conclusões da CPI da Dívida Pública, realizada pela Câmara Federal.
E o problema não é a tal explosão dos gastos correntes, genericamente denunciada pelos economistas liberais, em geral mirando novas mudanças nas regras da previdência.
Desde o lançamento do Plano Real, em julho de 1994, a evolução da dívida em títulos da União é espetacular. E esta é a principal dívida financeira que temos de enfrentar. Em dezembro daquele ano, essa chamada dívida mobiliária da União era de R$ 59,4 bilhões de reais. Ao final do ano seguinte, primeiro ano do mandato de FHC, essa dívida chegava a R$ 84,6 bilhões, com um crescimento nominal em relação a dezembro de 1994 de 42%(!!), correspondendo a 12% do PIB. Para quem possa se espantar com essa evolução, lembro que FHC chega ao final do seu primeiro mandato, em dezembro de 1998, com essa dívida já em R$ 343,82 bilhões, correspondentes a 35,11% do PIB.
As razões desse explosivo crescimento da dívida pública em títulos são decorrentes essencialmente da própria forma de funcionamento da economia, pós-lançamento do Real. A integração financeira do Brasil com os mercados financeiros do mundo, com a livre movimentação de capitais, subordina a política monetária aos humores dos investidores e especuladores internacionais.
De 1994 a 1998, a idéia de um Real “forte” (um real = um dólar) exigia acúmulo de reservas em dólar, de modo a se garantir a equivalência da nova moeda nacional com a moeda dos Estados Unidos. Os juros extremamente elevados e o programa de privatizações de empresas estatais garantiram uma enxurrada de dólares para o país. Entretanto, na medida em que esses dólares são transformados em reais, levando a uma expansão do volume de reais em circulação na economia, o Banco Central entra no mercado vendendo títulos públicos, com o objetivo de retirar o chamado excesso de moeda em circulação.
Houve, nesse período também, a maior parte das renegociações das dívidas de estados e municípios com o governo central, federalizando-se essas dívidas, o que ajudou o crescimento da dívida em títulos da União. Porém, o fator mais importante foi a necessidade do acúmulo de reservas, com base em taxas de juros reais elevadas.
A partir de 1999, com a mudança do regime cambial (até então, relativamente fixo) para o chamado câmbio flutuante, o papel das altas taxas de juros – que continuam a vigorar – passa a ser justificado como instrumento vital para se conseguir manter a inflação projetada para cada ano, dentro das metas definidas pela política monetária. A política econômica passa a ser guiada de acordo com o que recomenda o FMI.
Isso não impede que o país vá novamente recorrer ao FMI, em 2002, e FHC entrega o governo a Lula com a dívida em títulos alcançando o montante de R$ 687,30, correspondentes a 46,51% do PIB. É interessante notar que durante esse período, que se inicia em 1999, o governo federal passa a ter de cumprir metas de superávit primário, nunca inferiores a 3% do PIB. Mesmo assim, nota-se que, sempre em função das altas taxas reais de juros vigentes, a dívida continua em trajetória ascendente.
É essa política que Lula deu continuidade. E é por isso que hoje temos uma dívida em títulos que supera a cifra de R$ 2,2 trilhões, mais de 70% do PIB do país, com uma carga líquida anual de juros sempre superior a R$ 150 bilhões. Ou seja: além de o montante dessa dívida continuar a subir de forma astronômica, há um comprometimento crescente da maior parte do orçamento público da União com o pagamento de juros e amortizações. No exercício de 2009, por exemplo, 36% desse orçamento foram gastos com essa finalidade. Ao mesmo tempo, áreas consideradas estratégicas, como a saúde ou a educação, foram contempladas, respectivamente, com menos de 5% e de 3% desse mesmo orçamento.
Essa é a realidade que Dilma e Serra não querem debater. Mas, essa é uma questão que não deixará de ser enfrentada no próximo governo. Até porque, por força da valorização do Real – decorrente da permanente pressão produzida pelos dólares que entram no país – voltamos a ter déficits em nossas transações com o exterior, o que nos torna ainda mais vulneráveis à necessidade de financiamento em dólares.
A dívida externa, por sua vez, apesar de todas as falsas informações veiculadas, muitas vezes pelo próprio Lula, continua a existir e de forma robusta: hoje já ultrapassa a US$ 300 bilhões. Com reservas internacionais de US$ 280 bilhões, para muitos isso não seria um grande problema. Contudo, frente a qualquer reversão do quadro internacional para uma nova onda de fortes instabilidades nos mercados financeiros, não há dúvidas sobre o preço que pagaremos.
Já se observam fortes pressões para uma nova rodada de mudanças nas regras da Previdência Pública. Trata-se, a rigor, da última variável importante para os liberais, na busca de fontes para novos cortes orçamentários, com o objetivo de se tentar segurar um modelo econômico que tem de ser superado.
Fora outrora, o PT seria um aliado nessa luta.
Hoje, frente ao transformismo desse partido, sua candidata à eleição presidencial é apenas mais uma protagonista da tentativa de se esconder do povo brasileiro a gravidade dessa situação.

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Cloreto de Magnésio

CIRCULAÇÃO: angina, arteriosclerose, pressão arterial e colesterol elevado, infartos cardíacos, hipertensão, acidentes vasculares cerebrais, taquicardia (pulso rápido), trombose.

SISTEMA DIGESTIVO: cólicas, constipação, diarreia crónica, malabsorção, pancreatite (inflamação do pâncreas).

SISTEMA NERVOSO: apatia, confusão, depressão, desorientação, epilepsia, alucinações, irritabilidade, doença mental, esclerose múltipla, nervosismo, neurite, paranóia, doença de Parkinson, falta de memória, senilidade.

GERAL: alcoolismo, artrite, ossos quebrados, calcificação em qualquer órgão, o cancro, a Síndrome de Fadiga Crônica, diabetes, dores de cabeça, infecções e inflamações, cirrose hepática, lúpus eritematoso, enxaquecas, a velhice, os problemas da próstata, raquitismo, rigidez -- Mental e física, pele enrugada e dura, rigidez, formação de pedra na vesícula ou rins, tiróide, faringite, amigdalite, rouquidão, resfriado comum, gripe, asma, bronquite, pneumonia, broncoconstrição, enfisema pulmonar, "as doenças das crianças" (tosse, convulsão, sarampo, rubéola, cachumba, febre escarlate ...) , envenenamentos, gastroenterite, furúnculos, abcessos, erisipela, feridas.
Fonte;www.cloretodemagnésio.com

Viver é não ter a vergonha de ser FELIZ!!!

A menina que calou o mundo em 5 minutos

Você fica doente por tudo?

As faltas no trabalho e os dias debaixo do cobertor aumentam a cada dia. A impressão é que qualquer ventinho mais forte já é motivo para uma gripe daquelas.Tudo indica: algo não anda bem. E o problema pode estar diretamente ligado ao sistema imunológico, que já não consegue se defender dos milhões de bactérias, fungos e vírus que atacam o nosso corpo constantemente.

A alimentação inadequada e a qualidade de vida são itens cruciais para garantir um sistema imunológico à prova de ameaças. Mas muita gente acaba esquecendo que o corpo precisa de proteção, e deixa a saúde a mercê do acaso.
www.minhavida.com.br

quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Carboidratos

Preocupados com o ganho de peso, os praticantes de atividade física muitas vezes não consomem a quantidade adequada de carboidratos, que possuem função importante durante a prática do exercício físico.

Os carboidratos são considerados por muitos o grande vilão do excesso de peso. Quando o assunto é definição, crescimento muscular ou redução do percentual de gordura corporal, eles são frequentemente excluídos da alimentação de maneira parcial ou total. Entretanto, em termos de atividade física, este nutriente merece atenção especial.

Dentre as diversas funções dos carboidratos, a que merece destaque para os desportistas é a produção de ATP (trifosfato de adenosina), principal fonte de energia do organismo.

Cabe salientar que as proteínas e as gorduras também podem ser utilizadas como fontes energéticas. No entanto, os carboidratos devem ser priorizados como a principal fonte de energia para o organismo, já que estes, quando oxidados, liberam uma grande quantidade de energia, muito importante para a execução de movimentos mecânicos, como a contração muscular. De acordo com o International Journal of Sports Nutrition a quantidade de carboidratos a ser consumida diariamente deve girar em torno de 65% do total de calorias da dieta.

Ao serem consumidos, os carboidratos são digeridos até serem transformados em glicose, e é em forma de glicose que eles são levados até as células. Durante a digestão eles são estocados em forma de glicogênio, principalmente no fígado (glicogênio hepático) e no músculo (glicogênio muscular) para serem utilizados quando o organismo necessitar de energia. Porém, estes estoques são limitados e vão diminuindo durante o exercício, justificando a necessidade de reposição destas reservas energéticas através do adequado consumo de fontes de carboidratos.

Portanto, sendo você atleta ou esportista, é de extrema importância o consumo de alimentos ricos em carboidratos praticamente em todas as refeições.

Vale destacar que a intensidade do exercício, o tipo de modalidade e a alimentação de cada um são alguns dos fatores que determinam a durabilidade dos estoques de glicogênio muscular, que é o tipo de glicogênio perdido no exercício.

Quando o consumo de carboidratos é insuficiente, o desempenho físico, principalmente a anaeróbica (atividade rápida e muito intensa), é reduzido. Assim sendo, para atletas praticantes de exercícios de força como o levantamento de peso, bem como para aqueles que participam de provas de curta distância, é importante atentar ao consumo de carboidratos, já que a utilização de glicogênio muscular nesses tipos de exercícios é extremamente rápida.

É sabido que atletas bem treinados, quando esgotam suas reservas de glicogênio muscular, conseguem recuperá-las ao máximo no decorrer de 3 dias. Porém, um estudo realizado pelo European Journal Apllied of Physiology afirma que as reservas de glicogênio muscular podem ser recuperadas em um período de no máximo 24 horas se o atleta não praticar nenhuma atividade física ingerir alimentos ricos em carboidratos e de alto índice glicêmico.

É importante ressaltar que os estoques máximos de glicogênio são alcançados quando há consumo de carboidratos de alto índice glicêmico, ou seja, aqueles que são rapidamente absorvidos e fornecem energia rápida para as células. O consumo desses deve ocorrer durante e após a atividade física. Já os carboidratos de baixo a moderado índice glicêmico devem ser incluídos em lanches pré-treino, pois são levados lentamente para a corrente sangüínea, fornecendo energia de forma constante.

Portanto, sendo você atleta ou esportista, é de extrema importância o consumo de alimentos ricos em carboidratos praticamente em todas as refeições. Para tal, inclua em sua alimentação: frutas frescas (de preferência orgânicas), batata, batata-doce, mandioca, inhame, arroz integral, macarrão integral, granola, mel, geléias de frutas, aveia e legumes (de preferência orgânicos).


Uma boa pedida é incluir na refeição pós-treino uma salada de frutas com mel orgânico, que vão auxiliar na reposição do glicogênio muscular. Vale ressaltar que após a atividade física devemos consumir não somente carboidratos, mas também proteínas, pois elas auxiliam na reparação do tecido muscular. Sendo assim, a sugestão de salada de frutas é somente uma das preparações que devem ser consumidas após o treino, já que neste período ingerir alimentos protéicos também é muito importante.

Lembre-se: a digestão dos carboidratos começa na boca, portanto mastigue bem os alimentos para facilitar o processo digestivo e melhorar a absorção.

Além ajudar a treinar com mais disposição, o adequado consumo de carboidratos preserva a sua massa muscular!

Texto: Natalia Lautherbach - Nutricionista da Rede Mundo Verde